in

Com saídas de Tardelli e André, Grêmio vai ao mercado da bola por atacante fazedor de gols

Pedro Vilela/Getty Images
Publicidade

O Grêmio iniciou o seu planejamento para o ano que vem, e segue analisando as posições de maior carência no elenco atual à disposição de Renato Portaluppi, para que possa disputar em alto nível a próxima temporada. Neste sentido, conforme afirmou o vice-presidente Cláudio Oderich em entrevista para uma rádio do Rio Grande do Sul, o momento exige um atacante central.

A necessidade ganha maior importância com a possibilidade das saídas de André e Diego Tardelli. O presidente do Tricolor Imortal, Romildo Bolzan Júnior, já afirmou em entrevistas recentes que os dois jogadores não fazem parte do planejamento do time para a próxima temporada. Problemas com a torcida e baixo desempenho dentro de campo são os fatores preponderantes para esta decisão.

Publicidade

Cláudio Oderich, na entrevista concedida para a Rádio Gaúcha, reafirma todos os argumentos utilizados pelo presidente. Sobre a questão de Diego Tardelli, ele acredita que o atleta, vindo do futebol chinês, não tenha se adaptado à maneira de jogar do Brasil, após a sua passagem pelo exterior.

Permanência de Diego Tardelli segue indefinida

Os rumores a respeito da saída de André são grandes. O mesmo vinha sendo noticiado pela imprensa esportiva sobre Diego Tardelli, cuja saída do Grêmio foi um pedido pessoal. Entretanto, de acordo com o que diz o vice-presidente, a saída de Tardelli não é dada como certa: “Quem manifestou seu interesse de sair foi ele. Chegou a se despedir da torcida, isso ficou um pouco antipático. É um jogador de grande potencial e acreditamos que vai conseguir se recolocar no futebol brasileiro ou até mesmo ficar no Grêmio”, declarou.

Publicidade

Busca por um atacante fazedor de gols

Independente da saída ou não de Diego Tardelli, há a compreensão de que um dos pontos chave das estratégias para próxima temporada envolvem encontrar, na visão de Cláudio Oderich, um atacante fazedor de gols para o Grêmio“Buscamos um fazedor de gols. Efetivamente, precisamos repor esses atletas que deixarão o clube em 2020. Precisamos ter um elenco competitivo e fortalecer o grupo com atletas de ponta”, destacou.

Publicidade
Avatar

Escrito por Henrique

Henrique Furtado é um redator que gosta de ocupar o seu tempo livre lendo notícias, e noticiando aquilo que acha mais interessante.

Next post

Mais um brasileiro a caminho de Barcelona

Palmeiras pode ter recebido mala branca de R$ 700 mil para rebaixar o Cruzeiro