in

Corinthians quer atacante do Shakhtar Donetsk, mas este detalhe é um problema

Tudo Timão
Publicidade

O ano de 2019 não foi muito bom para o Corinthians: o time passou por uma grande sequência de jogos sem vencer, precisou demitir técnico, também o pessoal responsável pelo futebol e a torcida não está nem um pouco feliz com a falta de classificação direta para a fase de grupos da Libertadores. E agora, com a chegada do técnico Tiago Nunes para treinar o clube no ano que vem, já podem ser vistas algumas novidades nos bastidores. 

O clube paulista está interessado no atacante Taison, do Shakhtar Donetsk. O jogador já admitiu ter sido convidado pelo Corinthians para jogar no ano que vem.

Porém, como nem tudo são flores quando o assunto é futebol, Taison já demonstrou outro interesse para o próximo ano. O atleta afirmou ter um desejo diferente: deixar a Ucrânia para jogar no Internacional de Porto Alegre.

Publicidade
Publicidade

Entrave do Shakhtar impede nova contratação do Corinthians

Como se não bastasse a vontade do jogador em atuar pelo Internacional, ele afirma que mais um ano pela frente no clube europeu é um problema para qualquer saída: “Tive proposta no meio do ano, da Europa, não me deixaram sair e ir embora.”

Publicidade

Portanto, no momento, Taison confirma que cumprirá o seu ano restante de contrato com o time ucraniano. 

Corinthians não é desejo do jogador

Ao ser perguntado sobre a possibilidade de assinar um pré-contrato com o Internacional, Taison respondeu que esta é uma possibilidade para o futuro, mas pondera que isso não depende só dele.

“Eu posso assinar. Não sei se o presidente vai me querer, diretoria…Tem muitas coisas envolvidas. Se (o Inter) me quiser, assino sim”.

Seria Taison um reforço para o Inter em 2021? Se sim, ele só poderia assinar um pré-contrato no final de 2020 para jogar no segundo semestre do ano seguinte. 

Publicidade
Avatar

Escrito por I Feitosa

Escrevo sobre TV, famosos e entretenimento desde 2011.

A atenção nos detalhes é o que nos faz prosperar.

Next post

Firmino elogia força do Flamengo em campo: ‘De igual para igual’

Corinthians negocia contratos milionários para 2020