in

Libertadores: equipe do Grupo Globo comemora título do Fla, vídeo viraliza e repórter é demitido

Metropoles
Publicidade

O Flamengo foi campeão da Copa Libertadores da América no dia 23 de novembro, após vencer o River Plate, da Argentina, de virada, por 2 a 1. Os dois gols foram marcados por Gabigol.

Apesar de a partida ser disputada em um sábado, muita gente estava trabalhando naquele dia. É o caso de alguns jornalistas do Grupo Globo. Como em qualquer outro dia da semana, a redação do jornal O Globo, no Rio de Janeiro, estava funcionando normalmente.

Entre os profissionais que estavam na redação, um deles era o editor do jornal, Márvio dos Anjos, e o outro era o repórter Adalberto Neto.

Publicidade

Repórter filma comemoração na redação do jornal

O repórter pegou seu celular e filmou os colegas comemorando o título do Flamengo. Havia gente correndo sem camisa dentro da redação do jornal. O vídeo viralizou nas redes sociais. Nesta quarta-feira (4), Adalberto foi demitido pela emissora.

Publicidade

Em entrevista ao colunista Leo Dias, ele afirmou que a demissão teve um pouco de causa racial. Adalberto é negro. O editor Márvio dos Anjos, branco. “Para quem tem o mínimo de letramento racial, é impossível não racializar essa minha demissão.”, afirmou Adalberto.

Torcedores comentam sobre o caso nas redes sociais

Muita se falou, especialmente neste ano, sobre a chamada “Flapress”. Nome que os torcedores rivais do Flamengo utilizam para se referir a uma suposta torcida da imprensa pelo time da Gávea.

Após a divulgação do vídeo, muitos torcedores de outros clubes comentaram isso nas redes sociais. “Parem de acreditar que jornalista não tem time. Parem acreditar em imparcialidade. Parem de ser trouxas“, escreveu um torcedor.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Valdívia aprova interesse do Palmeiras na contratação de Jorge Sampaoli

Jogadores do Flamengo valorizaram em mais de 100 milhões nesta temporada