in

Palmeiras: Alexandre Mattos é demitido, após gastar mais de R$ 200 milhões

Divulgação Palmeiras
Publicidade

O diretor de futebol Alexandre Mattos, homem responsável pelas contratações do Palmeiras nos últimos anos, foi demitido pelo presidente Mauricio Galiotte, neste domingo (1º).

O anúncio foi feito logo após a derrota para o Flamengo, por 3 a 1, pelo Brasileirão. Junto com Alexandre Mattos, foi demitido também o treinador Mano Menezes.

Publicidade

A decisão de demitir Mattos talvez tenha pegado muita gente de surpresa, mas pode ter sido motivo de comemoração. Segundo o jornalista Cosme Rímoli, do R7, parte da diretoria e a maioria do Conselho Deliberativo pedia a saída do diretor de futebol.

Alexandre Mattos gastou mais de R$ 200 milhões

Segundo Cosme Rímoli, Alexandre Mattos gastou mais de R$ 200 milhões em contratações. Ele chegou à equipe em 2015, vindo do Cruzeiro. Na época, o presidente do clube era Paulo Nobre.

Publicidade

Quando chegou ao clube, o objetivo era conquistar a Copa Libertadores da América. Mesmo gastando um valor alto em contratações, o Palmeiras não conseguiu vencer o torneio sul-americano.

Torcida estava insatisfeita com Mattos

Principal torcida organizada do Palmeiras, a Mancha Verde passou a perseguir o dirigente desde a eliminação nas quartas de final da Copa Libertadores da América, diante do Grêmio.

A organizada pichou muros, emitiu comunicado e pediu a saída do dirigente. Mattos se manteve firme no cargo até mais uma derrota para o Flamengo, pelo Brasileirão. Agora, o Palmeiras corre atrás de um novo dirigente para ocupar sua função. A equipe continua com dinheiro vindo de sua principal patrocinador, a Crefisa.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Next post

Flamengo: craque brasileiro abre nova ‘briga’ entre Barcelona e PSG

Transmissão de Vasco da Gama x Cruzeiro ao vivo na TV e online