in

Riquelme, ídolo do Boca Juniors rasga elogios a dupla Gabigol e Bruno Henrique

Yahoo Sports
Publicidade

O sucesso do Flamengo na conquista da Copa Libertadores da América surpreendeu os argentinos, que davam como certa a vitória do River Plate, de Marcelo Gallardo. Tudo isso porque nos últimos 4 anos, a equipe dominou as competições.

No entanto, o que se viu em campo, foi um time que sucumbiu diante do aguerrido Flamengo, que mudou o resultado da partida após os 40 minutos do segundo tempo.

Publicidade

E, um ídolo do Boca Juniors, Juan Román Riquelme, que foi campeão por três oportunidades da competição mais importante de clubes da América do Sul, se rendeu ao talento da dupla Bruno Henrique e Gabigol. Ele elogiou e exaltou a qualidade dos atletas, que na opinião de Riquelme, decidiram a partida final da Libertadores.

Finais são ganhas por jogadores diferentes e Bruno Henrique e Gabigol são, afirmou Riquelme

Ao ser questionado sobre a final, e as dificuldades que ocorrem em uma partida de tamanha importância, Riquelme disse que nestas partidas é que aparecem os jogadores diferenciados. No caso, a dupla de ataque do Flamengo se destacou, pois no lance do gol de empate, Bruno Henrique teve a tranquilidade de limpar a marcação e tocar, ao invés de cruzar a bola na área, em uma jogada de ‘desespero’.

Publicidade

Aos 90 minutos de jogo a única coisa que se pensa é cruzar a bola dentro da área, ao invés disso, ele limpou todos e deu um passe, isso foi maravilhoso‘, afirmou Riquelme ao canal de TV ‘TyC’.

Sobre a jogada, Riquelme disse que se estivesse em campo, não pensaria duas vezes em cruzar a bola dentro da área, para dar continuidade logo a jogada, e jamais pensaria em fazer uma jogada de categoria, em busca de uma melhor solução para o companheiro.

Candidatura a presidência do Boca Juniors é um desejo de Riquelme

Participante ativo dos eventos extra campo ocorridos no clube que o projetou para o mundo do futebol, Riquelme tem uma pretensão de comandar o clube na presidência. Esse desejo do ex-jogador poderá se tornar realidade, pois ele já se candidatou as eleições do Boca, sendo que o resultado do pleito, deverá sair no dia 08 de dezembro.

Sobre a atual situação do Boca, eliminado duas vezes pelo maior rival na Libertadores são sintomas de uma má administração interna, já que o Boca sempre se mostrou hegemônico quando o assunto é Copa Libertadores da América.

Publicidade
Avatar

Escrito por Rodrigo Monteiro

Um dos primeiros redatores da plataforma I7 network, já trabalhou em outras plataformas de internet, sempre escrevendo notícias em primeira mão para quem gosta de viver bem informado. Os principais assuntos do mundo esportivo estão aqui, com textos leves e interessantes, Rodrigo Monteiro faz parte do grupo de colunistas do Radar Esportes, um dos maiores e melhores sites esportivos da internet.

Next post

Messi e uma chamada que faz tremer o Barcelona: ‘irrecusável’

Torcida do Real Madrid vaia Neymar na Champions League e ‘sina’ de atacante continua