in

Tênis: Marcelo Demoliner é campeão na Rússia e Bruno Soares fica com o vice em Estocolmo

Divulgação: Kremlin Cup
Publicidade

Os duplistas brasileiros estão em alta no tênis mundial. Dois deles chegaram às finais de competições neste final de semana. Marcelo Demoliner jogou ao lado do holandês Matwe Middelkoop e venceu o ATP 250 de Moscou, também conhecido como Kremlin Cup. Bruno Soares, em parceria com o croata Mate Pavic, chegou a sua segunda final consecutiva, mas ficou apenas com o vice campeonato no ATP 250 de Estocolmo. 

Demoliner e Middelkoop precisaram apenas de 55 minutos na final para vencer  o italiano Simone Bolelli e o argentino Andres Molteni por 2 sets a 0, As parciais foram de  6-1 e 6-2. O brasileiro comemorou nas redes sociais, dizendo que foi a melhor maneira de encerrar a temporada.

Publicidade

O duelo entre Soares e Pavic contra o inlandês Henri Kontinen e o francês Edouard Roger-Vasselin durou pouco mais de uma hora. Kontinen e Roger-Vasselin venceram por 6-4 e 6-2. Os duplistas seguem para Viena, onde jogam o AP 500 como cabeça-de-chave número dois. 

Acúmulo de títulos

Kremlin Cup foi a segunda final em que Marcelo chegou ao lado de Matwe. A primeira foi há menos de um mês, em Zhuhai, na China. O título em Moscou é o segundo da carreira do gaúcho, que já disputou 11 finais. O primeiro veio no ATP 250 de Antalya, em 2018, em uma parceria com Santiago Gonzalez..

Publicidade

O mineiro Bruno Soares já soma 32 títulos. O último conquistado foi na semana passada, no Masters 1000 de Xangai. Este foi também o primeiro troféu dele com Mate Pavic, dupla formada a partir da temporada de grama de 2019. 

Subida no ranking

Após o título na Rússia, Marcelo Demoliner voltará a figurar entre os 50 melhores duplistas da atualidade. Nesta segunda-feira, aparecerá na posição número 47. Já Bruno Soares permanecerá em 13° lugar. Apesar da boa colocação do brasileiro e de sua dupla (Pavic ocupa a nona posição), a classificação para o ATP Finals não acontecerá. Isto acontece porque os dois fizeram a parceria recentemente e não acumularam todos os pontos necessários como dupla.

Publicidade
Next post

Brasileirão: veja as prováveis escalações de Flamengo e Fluminense para clássico

Tênis: após mais de dois anos, Andy Murray volta a conquistar título da ATP em simples