in

A última atitude de Alex Sandro surpreendeu a Europa

Marca
Publicidade

Alex Sandro, lateral esquerdo da Juventus, deu uma entrevista ao nômade digital brasileiro Raiam Santos, na qual ele falou sobre sua vida pessoal.

O jogador da ‘Vecchia Signora’, 21 vezes internacional com o Brasil, falou sobre suas dificuldades no futebol, bem desde o início. No momento, tudo são facilidades, mas o craque recordou seus momentos mais complicados, causando mesmo alguma emoção em quem assistiu suas palavras. 

Publicidade

Alex Sandro recordou o passado

O jogador brasileiro contou como começou seu percurso, mais a sério no futebol. Sua grande mudança foi quando ele se mudou para a base do Atlético Paranaense, com apenas 15 anos de idade. Nesse momento, o lateral esquerdo começou recebendo 100 reais por mês, mas com todas as despesas pagas pelo clube.

“O clube me pagava casa, alimentação e educação”, contou Alex Sandro. Então, o jogador conseguia economizar sempre uns 50 reais por mês, gastando somente metade do que o Atlético pagava para ele. “Minha primeira grande conquista no futebol foi quando eu juntei 300 dólares e eu os dei para os meus pais pintarem a casa”, recordou Alex Sandro, com alguma emoção. 

Publicidade

O jogador sabe que poderia ter gastado esse dinheiro como ele bem entendesse, mas se orgulha de sua decisão em ter entregado esse valor para seus pais, que precisavam mais que ele. O jogador preferiu, então, ajudar sua família. 

Publicidade

Jogador falou de suas culpas

Entretanto, tudo mudou na sua vida. O jogador acabaria deixando o Atlético ainda bem jovem, se mudando para o Santos e, depois de isso, tudo aconteceu favoravelmente. Primeiro, ele chegou em Portugal, para o Porto, onde foi campeão e chamou todas as atenções dos gigantes da Europa. E depois, a Juventus, onde ele continua. 

Alex Sandro, que já tem 159 jogos com a Juventus e conquistou 17 títulos em sua carreira, é hoje um homem rico,  ganha milhões por ano, então, dinheiro não faria mais tanta diferença assim. Porém, as coisas não são bem assim e o jogador brasileiro se mostrou muito humilde, mantendo sua cabeça bem no lugar, apesar de tudo.

“Muitas vezes saio com minha família e gasto 300 ou 400 euros. Depois, penso quantos reais brasileiros isso dá,  e me sinto culpado por ter gastado todo esse dinheiro em apenas uma noite”, recordou o jogador, em uma entrevista bem sincera. 

Publicidade
Next post

PSG convenceu craque a renovar, terminando com o sonho do Barça

Saiba como assistir à transmissão de Atlético-GO x Bragantino ao vivo na TV e online