in

Transferência de astro brasileiro foi a mais cara da Europa no fecho do mercado

SAPO Desporto
Publicidade

O mercado de transferências já terminou na maior parte das ligas da Europa. Na Inglaterra, já estava fechado quase desde o início do mês de agosto e, agora, terminou em quase todas as outras ligas, sobrando ainda a Liga russa, turca e pouco mais. Portanto, as grandes negociações estão terminadas e agora só no próximo mês de janeiro é que os jogadores terão novas chances de conhecerem novos destinos. 

Mercado de transferências muito mexido

Esse mercado europeu, que fechou no início de nova temporada, foi um dos mais movimentados de sempre, com várias contratações milionárias e algumas mexidas bem importantes entre os principais times. Nomes como os de Neymar, Pogba ou Eriksen foram dos mais falados, mas acabaram seguindo em seus clubes, enquanto que Griezmann, Icardi e De Ligt conseguiram mesmo se transferir, eles que também foram meio controversos durante essas semanas. 

Publicidade

Porém, no último dia de mercado ainda foram movimentados muitos milhões. E a transferência mais cara foi de um jogador brasileiro, também muito falado nesse mercado. O brasileiro Raphinha estava jogando no Sporting, iniciando sua segunda temporada no time português, e teve seu nome apontado na Fiorentina durante algumas semanas. 

Raphinha tem novo time

O diretor esportivo dos italianos chegou mesmo em falar que queriam o jogador, mas que não seria fácil, porque o Sporting exigia muito dinheiro. O brasileiro foi considerado o jogador certo para fazer a ala direita, porque a esquerda vai ficar para Ribéry. 

Publicidade

Porém, a Fiorentina não teve dinheiro para pagar o passe do jogador, mas o Rennes, da França, teve. Os franceses pagaram 21 milhões de euros no passe de Raphinha. Essa foi a maior transferência nesse último dia de mercado, entre todas as as grandes ligas europeias. O atacante brasileiro chegou em Portugal, em 2015, do Avaí e, aos 22 anos de idade, vai se mudar para uma das maiores ligas da Europa, a francesa. 

Publicidade

Raphinha começou no Vitória de Guimarães, de Portugal, depois se transferiu para o Sporting e, no final de sua primeira temporada no time, ele foi logo muito cobiçado por vários times europeus. Ganhou duas copas com a camisa do Sporting e está agora preparado para um novo desafio em sua carreira. 

Publicidade
Next post

Copa do Brasil: saiba o que é preciso para Grêmio x Internacional se enfrentarem na final

Grêmio: sob o comando de Renato, Tricolor tritura adversários em mata-matas