in

Palmeiras: Mattos e Galiotte viram alvos da torcida em pichações na arena

Reprodução R7
Publicidade

A torcida do Palmeiras está bastante insatisfeita com o momento vivido pela equipe alviverde. Na manhã desta quarta-feira (4), os muros do Allianz Parque amanheceram pichados com dizeres contra o diretor de futebol Alexandre Mattos e contra o presidente Mauricio Galiotte.

“Presidente omisso”, diz uma das pichações. Em outra está escrita “time pipoqueiro”. “Fora Mattos”, com a letra S sendo substituída por um cifrão também foram escritos na parede da bilheteria da arena.

Publicidade

A torcida esperava um ano cheio de títulos, mas pode terminar 2019 sem comemorações. Diante de um elenco milionário e das promessas que foram feitas, a torcida se revoltou com a direção palmeirense.

Alexandre Mattos torna-se alvo

O diretor de futebol Alexandre Mattos vem sendo criticado desde a eliminação na Copa Libertadores da América. O Palmeiras perdeu para o Grêmio, no Pacaembu, de virada, por 2 a 1. A Libertadores é o grande sonho dos palmeirenses. Só com essa conquista, o Verdão pode voltar a disputar o Mundial de Clubes.

Publicidade

No dia seguinte à eliminação, Mattos foi criticado pela torcida Mancha Alvi Verde, que divulgou um manifesto cobrando diretoria, comissão técnica e alguns jogadores.

Publicidade

Palmeiras vive clima tenso

Desde segunda-feira, a segurança da Academia de Futebol foi reforçada. A diretoria tem medo de uma reação violenta de parte da torcida, especialmente das organizadas do clube. O treinamento foi fechado e nem os jornalistas têm acesso ao local.

Mesmo com a saída de Felipão e chegada de Mano Menezes, a segurança continua reforçada. Além de seguranças particulares, há também a presença de policiais militares no estádio.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Next post

Palmeiras: Deyverson fica ou sai? Criticado por Mano Menezes, futuro do atacante é incerto

Palmeiras: votação aponta que torcida reprova contratação de Mano Menezes