in

Balotelli acerta com novo clube e destino é selado

FOX
Publicidade

Houve muitos percalços no caminho do Flamengo na ousada tentativa de trazer mais um craque para ser elenco já estrelado. A recente tentativa de fechar com Balotelli acabou em frustração, mas mostrou que o clube seguirá ousado nas tentativas e novas investidas nas janelas internacionais.

Na contramão da maioria dos clubes, que têm seguidamente cortado gastos e reduzindo gradualmente suas folhas, o rubro-negro tem investido pesado em nomes consagrados e na repatriação de atletas, mas não dá pra dizer que realmente Balotelli era uma aposta grande.

Publicidade

Jogador queria trazer irmão para o Flamengo

O atleta, assim como o Flamengo, também ousou no pedido. Ele queria que o clube, além de fechar com ele, também trouxesse seu irmão para juntos atuarem no Rio. Balotelli tem um irmão caçula e queria ajudar a dar um empurrão na carreira do brother, mas o clube literalmente deu pra trás e tentou ficar ‘apenas’ com o craque. Com o desentendimento, as negociações pararam, mas realmente o clube esteve muito perto de fechar o negócio.

Balotelli foi para o Brescia

O jogador ficou muito feliz em fechar com o Brescia, mais que isso, comemorou nas redes sociais a possibilidade de ‘voltar para casa’ no clube da cidade de onde o atleta nasceu.

Publicidade

O incrível salário acertado para o craque foi de impressionantes R$ 6,6 milhões por mês, caso o jogador viesse para o Brasil, de longe seria o jogador mais bem pago com quase o dobro do salário do segundo atleta mais caro do país, Ricardo Goulart, atualmente no Palmeiras e que recebe pouco mais de R$ 3 milhões.

Publicidade
Publicidade
Avatar

Escrito por Marieta R.

Trabalho com editoriais para plataformas de notícias há mais de 6 anos, sou formado em engenharia industrial e gosto de escrever matérias sobre futebol, televisão, política, entre outras.

Next post

Palmeiras: jogador importante sofre lesão e desfalca time na Libertadores contra o Grêmio

Barcelona e uma troca galáctica com Dembélé; e não é por Neymar