in

Técnicos com as passagens mais rápidas do futebol

Rede Globo
Publicidade

Uma das principais solicitações de todo técnico, principalmente no futebol brasileiro, é a possibilidade de ter tempo para implementar o seu estilo de jogo na equipe em que trabalha. O futebol brasileiro é um dos que mais demitem e contratam técnicos do mundo, muitas vezes gerando situações engraçadas ou até mesmo revoltantes. Na média, um treinador de um clube brasileiro só consegue manter seu emprego por 6 meses! Impressionante, não é?

5° lugar – Dário Pereira (Grêmio) 

O Ex-jogador do São Paulo que tentou uma carreira de técnico no grêmio não durou muito tempo no comando do tricolor gaúcho. Em apenas 1 mês e 13 dias de trabalho, recebeu a notícia de que seus serviços não seriam mais necessários. Aproveitamento 21%.

4° lugar – Procópio Cardoso (Atlético Mineiro) 

Foram necessários apenas 1 mês e 4 dias para que Procópio Cardoso fosse mandado embora, e olha que não estava indo mal no comando da raposa. 5 jogos, 3 vitórias e 2 derrotas. 60% de aproveitamento.

Publicidade

3° lugar – Edinho (Vitória) 

1 mês e 2 dias. Esse foi o tempo necessário para que o Vitória percebesse que não precisaria mais do serviço do treinador Edinho, que até então se encontrava com 43% de aproveitamento (7 jogos, 2 vitórias, 3 empates e 2 derrotas).

Publicidade

2° lugar – Nestor Simionatto (Grêmio) 

O tricolor gaúcho entra mais uma vez na lista, agora no top 2 por ter demitido Nestor Simionatto em apenas 30 dias de trabalho. Foram 8 jogos, 6 derrotas, 1 empate e 1 vitória ao comando do Grêmio.

1° lugar – Júnior (Corinthians) 

O menor tempo de permanência em um clube dos últimos 15 anos de futebol Brasileiro. Júnior só teve a oportunidade de comandar o Corinthians em duas partidas, perdendo as duas. Foram incríveis 13 dias ao comando da equipe antes de ser mandado embora.

Publicidade
Avatar

Escrito por Evandro

O mundo do entretenimento é a minha vida.

Next post

PSG pede um intocável do Real Madrid por Neymar e é brasileiro

Casa cheia? Cruzeiro anuncia parcial de ingressos vendidos para jogo contra o Santos