in

Cuéllar está próximo de se despedir do Flamengo rumo ao Al-Hilal

Soccrates Images/Getty Images

Para a tristeza da torcida do Flamengo, o destino de Cuéllar parece estar traçado. O atleta está bem próximo de embarcar rumo à Arábia Saudita, para fechar contrato com o Al-Hilal. A proposta feita pelo volante já foi aceita pelos dirigentes do Rubro-Negro e, para que a transferência seja confirmada, basta aguardar o aval do Deportivo Cali, clube colombiano que possui parte dos direitos do jogador.

Cuéllar já manifestou em outras oportunidades o seu desejo de sair do time brasileiro. A tentativa dos seus empresários de levá-lo ao futebol europeu foi grande, mas sem êxito. Restou para o volante apenas a questão financeira, com o rico futebol árabe.

Publicidade

A informação foi apresentada pelo portal Globoesporte.com, e confirmada pelo UOL. O clima entre os agentes do jogador e a diretoria do Flamengo esteve bastante tensa. Os cartolas cariocas afirmam que em vários momentos houve uma “forçação de barra” para que o volante deixasse a equipe.

Jorge Jesus anula status de intocável de Cuéllar

O jogador é um dos mais queridos pela torcida do Flamengo, e acabou perdendo o status de intocável após a chegada do treinador português Jorge Jesus. Mesmo diante de sua saída quase confirmada, Cuéllar treinou normalmente com o resto do elenco nesta quarta-feira (14). O time se prepara para a partida contra o Vasco, no próximo sábado às 19h no estádio Mané Garrincha, pelo Campeonato Brasileiro.

Publicidade

Contrato

O jogador chegou ao Flamengo em 2016 e, após um início turbulento, acabou ganhando definitividade na posição sob o comando de Rueda, no segundo semestre de 2017. O seu contrato vai até junho do ano que vem.

Publicidade
Avatar

Escrito por Henrique

Henrique Furtado é um redator que gosta de ocupar o seu tempo livre lendo notícias, e noticiando aquilo que acha mais interessante.

Next post

Copa do Brasil: com André, Renato define Grêmio titular contra o Athletico-PR

Última oferta do Barça por Neymar inclui um favorito de Messi