in

Os técnicos mais vitoriosos do futebol mundial

Rede Globo
Publicidade

Para que uma passagem de um dirigente seja considerada um sucesso, não basta que o time jogue bem, é necessário conquistar títulos. Uma eliminação, até mesmo em uma final, pode significar o fim de um trabalho para um treinador de futebol. Em um esporte onde apenas uma equipe pode vencer um torneio, alguns treinadores parecem saber a receita para o sucesso.

5° lugar – Luis Felipe Scolari (Felipão) 

O atual técnico do Palmeiras é o único brasileiro entre os 5 técnicos mais vitoriosos do mundo. Felipão tem na carreira incríveis 26 títulos conquistados, superando estrelas como José Mourinho e Pepe Guardiola. Felipão tem o mesmo número de títulos que Jock Stein, que também está nesta 5ª posição.

Publicidade

4° lugar – Ottmar Hitzfeld 

Sério e sem brincadeirinhas. Conhecido por colocar praticamente qualquer jogar “na linha”, até mesmo os mais problemáticos, o alemão conquistou impressionantes 28 títulos ao longo da carreira!

3° lugar – Valeriy Lobanovskiy 

Um ídolo do Dínamo Kiev, clube ucraniano. O treinador que revolucionou o futebol foi o primeiro a combinar futebol e ciência, analisando cada jogador individualmente. Tempo de corrida, velocidade, zona de atuação… O soviético responsável por fazer o futebol chegar a o que é hoje conquistou 30 títulos em sua carreira.

Publicidade

2° lugar – Mircea Lucescu 

Foram apenas 15 anos de carreira e dois times dirigidos. Foi o que o Romeno precisou para levantar 34 canecos com suas equipes. Um profissional exemplar. 

1° lugar – Sir Alex Ferguson 

O maior treinador de todos os tempos, de longe! O Escocês que hoje se encontra aposentado é um ídolo do Manchester United e reconhecido internacionalmente como o maior treinador da história. Sir Alex Ferguson conquistou em sua carreira 50 títulos, 13 destes são títulos da Premiere League, o campeonato inglês que é considerado por muitos como o mais difícil do mundo! Uma lenda! 

Publicidade
Avatar

Escrito por Mari

Alguém que curte escrever sobre entretenimento e diversidades.

Next post

Premier League: Chelsea sofre goleada, West Ham decepciona e Kane decide para o Tottenham

Campeão em Montreal, Rafael Nadal confirma que não disputará Masters 1000 de Cincinnati