in

Cruzeiro: confira as conquistas e desempenho de Mano Menezes na passagem pelo clube

Divulgação: Vinícius Silva / Cruzeiro
Publicidade

Os gritos de “burro” começaram ainda no final do primeiro tempo da primeira partida da semifinal da Copa do Brasil nesta quarta-feira (07). O gol do internacional, que deu a vitória ao time gaúcho sobre o Cruzeiro, saiu aos 31 do segundo tempo. Ao final, o técnico Mano Menezes, que recebeu o xingamento da torcida cruzeirense, anunciou a sua saída.   

Nos últimos dezoito jogos do Cruzeiro, apenas uma vitória foi contabilizada. O placar de 3×0 contra o rival, Atlético Mineiro, no jogo de ida da Copa do Brasil, foi o suficiente para garantir a passagem para a semifinal da competição mesmo com a derrota no segundo confronto. No mais deste período, foram cinco empates e doze derrotas, contando com o revés nos pênaltis para o River Plate pela Libertadores da América. “No futebol, isso não se sustenta”, afirmou o treinador durante a coletiva de sua despedida.

Publicidade

Mano reconheceu a insatisfação da torcida, sabendo que os xingamentos não afetariam apenas ele, como toda a equipe. Assim, juntamente com a diretoria da Raposa, entendeu que, após mais de três anos à frente do clube, era hora de encerrar o seu trabalho.

Títulos pelo Cruzeiro

Mano Menezes era o treinador com mais tempo de trabalho na série A do Brasileirão. Foi contratado em julho de 2016 pelo Cruzeiro, dois meses antes de Renato Gaúcho chegar ao Grêmio, por exemplo. Em sua segunda passagem pela Celeste, conquistou o bicampeonato da Copa do Brasil, em 2017 e 2018. Também levantou duas vezes a taça do Campeonato Mineiro, em 2018 e 2019.

Publicidade

Saldo positivo

A era de Mano Menezes pelo Cruzeiro somou 235 jogos oficiais, somando as duas passagens. Na primeira, em 2015, o técnico tinha a missão de livrar o clube do rebaixamento. Em 16 partidas aproveitamento de somou oito vitórias, seis empates e apenas duas derrotas.

No total, Mano conquistou 112 vitórias, 69 empates e sofreu 54 derrotas com o Cruzeiro. O aproveitamento final no time foi de 56,7%.
Ao seu comando, e contabilizando também jogos amistosos, a equipe marcou 348 gols e sofreu 2311.

Publicidade
Next post

Copa do Brasil: Cruzeiro demite técnico Mano Menezes após derrota para o Internacional

Mercado da Bola: Flamengo está perto de fechar com Balotelli, afirma jornalista italiano