in

Cristiano Ronaldo e Juventus podem parar na Justiça após descumprir possível promessa

O Jogo

Cristiano Ronaldo e Juventus foram surpreendidos com o pedido da K-League, liga de futebol da Associação Sul-Coreana, sendo representados por seu advogado, Kim Min-Ki, sobre uma indenização financeira no valor de 50 milhões de euros.

Polêmica com Cristiano Ronaldo

A polêmica história começou quando o time da Juventus foi até a Coreia do Sul enfrentar um time formado por jogadores que atuam no país asiático. O jogo terminou empatado em 3 a 3. Porém, durante a divulgação da partida, Cristiano Ronaldo sempre foi a estrela principal e muitos torcedores compraram ingressos para ver o astro português em campo, segundo a Liga Coreana.

Contudo, o atacante português foi poupado durante toda a partida e não saiu do banco de reservas. “Muita gente pagou o bilhete só para ver o Cristiano Ronaldo. Aliás, todo o encontro foi promovido com esse intuito e fizemos um acordo com a Juventus em que ele ia ser utilizado pelo menos durante 45 minutos. Como não aconteceu, vamos ter de reembolsar os torcedores por publicidade enganosa, o que nos leva a avançar com um processo contra a Juventus“, falou Kim Min-Ki aos jornalistas locais.

Suposta lesão na Juventus

A Juventus alega que a opção de Cristiano Ronaldo não entrar em campo foi do treinador, pois o jogador teria se queixado de problemas físicos; então o técnico não quis correr o risco de agravar uma possível lesão.

O jogo também serviu para a Juventus estrear seu uniforme reserva, que será usado no restante da temporada. O novo uniforme é predominantemente branco com alguns detalhes em vermelho.

A Juventus estreia no campeonato italiano contra o Parma, no dia 25 de agosto, fora de casa. A equipe de Turim defende o título desde da temporada 2011-2012 e no momento parece ser imbatível no campeonato nacional.

Avatar

Escrito por Fernando Goulart

Sou estudante de Direito e um apaixonado por escrever.

Next post

Copa Libertadores: saiba como assistir Libertad x Grêmio ao vivo online

Mercado da Bola: São Paulo tem acordo verbal para fechar contratação de Daniel Alves