in

Wimbledon: Nadal é contra sistema que põe Federer em vantagem no torneio

Divulgação/Wimbledon

A partir do dia 01 de Julho, começa em Londres o torneio mais tradicional do tênis mundial. Wimbledon é o terceiro Grand Slam de 2019, e conta com a presença dos melhores tenistas da atualidade. Mas nem todos estão satisfeitos com o chaveamento da competição, e entre eles, Rafael Nadal.

Diferentemente de outros majors, Wimbledon tem seu próprio sistema quando se trata de escolher quem serão os melhores jogadores para compor as chaves do torneio. Ao invés de apenas obedecer ao ranking da ATP, ele também considera o desempenho dos jogadores nos últimos dois anos em torneios de grama. 

Assim, Roger Federer, atual número três do ranking da ATP, fica à frente de Rafael Nadal, segundo melhor jogador do mundo. A vitória em Halle, na última semana, foi a responsável por colocar o suíço à frente do espanhol. Já Nadal não disputou outros torneios em quadras gramadas, apesar de ter chegado à semifinal de Wimbledon em 2018. 

Em entrevista ao programa “Vamos” da TV espanhola Movistar, Rafael Nadal disse que, independentemente do critério, jogará em seu melhor nível para poder alcançar suas aspirações no campeonato inglês, ainda que ele não concorde com o sistema.

“A única coisa que não parece certa sobre essa história é que é apenas Wimbledon que faz isso. Se todos fizessem o mesmo, seria correto”, declarou Nadal. “Não só aconteceu comigo, como também com outros jogadores. Eles (diretores do torneio) não respeitam o status que alguns tenistas ganharam ao longo da temporada.”

Nadal não é o único prejudicado em Wimbledon

Dominic Thiem e Nikolos Bashilashvili seriam outros dois jogadores que estariam em posições mais baixas, de acordo com o critério de Wimbledon. O austríaco seria cabeça de chave número cinco, ao invés de quatro, enquanto o georgiano ocuparia a posição de número 18, ainda que seja o número 15 do ranking da ATP. 

A divulgação oficial dos cabeças de chave de Wimbledon 2019 será nesta quarta-feira, dia 26. 

Next post

Copa América: prováveis escalações, horário e como assistir Chile x Uruguai ao vivo

Mercado da Bola: Buffon está prestes a definir futuro após interesse do Fluminense