in

D’Alessandro não se segura e manda recado ao Grêmio mesmo fora do Inter

Divulgação Internacional
Publicidade

D’Alessandro é ídolo do Internacional. No Colorado, o meio-campista disputou 516 partidas, marcou 95 gols e deu 113 assistências. Nos dez anos em que atuou na equipe, tornou-se muito querido por todos os torcedores e respeitado até mesmo por rivais.

D’Alessandro deixou o Inter em dezembro e foi jogar no Nacional, do Uruguai. No país, o jogador mostrou além de não esquecer o Inter, também não esqueceu o Grêmio. D’Ale escreveu um artigo ao site The Players Tribune em que cita o rival de seu ex-clube.

O jogador revela que sentiu uma paixão pura e verdadeira em cada uma das 516 partidas em que entrou em campo para defender o Colorado. “Às vezes eu não precisava falar nada (algo raro, eu sei). Com vocês, realizei o sonho de conquistar a América. Vencemos mais Gre-Nais do que perdemos – e sem quebrar códigos de dentro de campo”, disse o meia.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

D’Alessandro foi o oitavo jogador que mais entrou em campo para disputar Gre-Nais. O desempenho no clássico chama a atenção. Em 39 partidas, o aproveitamento foi de 50%. D’Ale diz ainda que sua despedida não foi queria devido à pandemia do coronavírus. 

As partidas de futebol estão sendo disputada sem torcida, o que impediu uma despedida com a presença dos colorados no Beira-Rio. Quem um dia, quando as coisas voltarem ao normal, a diretoria do Inter não organize um jogo de despedida. E com tudo normal, D’Ale, claro, estará lá comemorando com colorados e provocando tricolores. Como sempre fez durante toda a sua carreira. A vida continua no Nacional.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!