in

Nem São Paulo, nem Palmeiras: Grêmio se aproxima de “chapéu” nos paulistas pelo atacante Borré

Reprodução Twitter River Plate - Foto Lucas Uebel Divulgação Grêmio - Montagem Jean Marangoni
Publicidade

Se tornou público nas últimas semanas o interesse dos rivais Palmeiras e São Paulo pelo atacante do River Plate Rafael Borré. O Verdão estava mais próximo do jogador e com uma condição financeira mais vantajosa que a do São Paulo, mas acabou desistindo da negociação alegando que, com esse momento cheio de incertezas por conta da pandemia, o clube não poderia fazer um investimento desse tamanho. 

Pelo lado Tricolor, o presidente Julio Casares disse, em entrevista nesta segunda-feira, para o programa Seleção SporTV, que o São Paulo não tem condições para bancar a contratação de Borré nas atuais circunstâncias financeiras em que se encontra. 

Um terceiro clube brasileiro entrou no páreo pelo atleta nos últimos dias. Com a desistência dos rivais paulistas, o Grêmio abriu negociação com o atacante colombiano, oferecendo um salário de R$ 680 mil por mês e um contrato válido até o final de 2024. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

O clube gaúcho oferece ainda luvas de US$ 4 milhões, a serem diluídas mensalmente até o final do contrato com o jogador. 

Segundo o jornalista Jorge Nicola, Borré teria recusado essa primeira oferta dos gremistas tendo em base de que o valor oferecido pelos palmeirenses era bem maior, mas como o clube palmeirense desistiu da contratação do atleta, é possível imaginar que um acordo possa acontecer. 

O presidente gremista, Romildo Bolzan, ainda não se manifestou publicamente sobre a negociação com o astro do River Plate. Enquanto isso, Borré se valoriza cada vez mais, já que no último final de semana marcou quatro gols pela Copa da Liga Profissional perante o Godoy Cruz. 

Publicidade
Publicidade
Jean Marangoni

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: [email protected]