in

São Paulo e Cruzeiro ensaiam parceria mas clube mineiro rejeita reforço são paulino

Reprodução/Instagram sergio.santosrodrigues
Publicidade

Na última terça-feira (16/03), o presidente do Cruzeiro Sérgio Santos Rodrigues esteve no Morumbi para se reunir com o mandatário do São Paulo, Julio Casares. Os dois clubes estreitaram a relação e os dois presidentes conversaram sobre parcerias, negociações e também sobre o momento delicado pelo qual passa o futebol brasileiro perante a pandemia de coronavírus. 

Casares aproveitou o encontro para oferecer ao clube mineiro um centroavante que o mesmo se interessou em contratar em 2020. Trata-se do colombiano Santiago Tréllez, que entrou na pauta dos interesses cruzeirenses na última temporada. 

O problema é que Tréllez se recusou a negociar com o Cruzeiro em 2020 após o clube ter caído para a série B do campeonato brasileiro, e agora são os mineiros que não querem contar com o futebol do colombiano. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

O presidente do Cruzeiro rejeitou a contratação do jogador no momento, mas não descarta uma parceria com o São Paulo envolvendo outros jogadores. 

O clube Tricolor do Morumbi tem como uma de suas prioridades enxugar sua folha salarial nesse ano de 2021 e o colombiano custa cerca de R$ 4,1 milhões por ano aos cofres do clube, mesmo sem ser aproveitado pelo técnico Hernán Crespo. 

Outro fator que faz com que o São Paulo procure um novo clube para Tréllez, é que com as contratações desse início de temporada o elenco são paulino ficou recheado de estrangeiros, mas somente cinco podem ser relacionados em jogos das competições nacionais. O clube conta no momento com os equatoriano Arboleda e Rojas, o paraguaio Galeano, o argentino Benítez e o colombiano Orejuela.

Publicidade
Publicidade
Jean Marangoni

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: [email protected]