in

Diretoria do Corinthians ‘bate o martelo’ e define futuro da dupla Éderson e Everaldo

Radar Esportes / Corinthians TV
Publicidade

O técnico Vagner Mancini havia chegado ao Corinthians com o objetivo de afastar o clube da zona de rebaixamento. Mesmo sob críticas, o comandante fez um bom trabalho e conseguiu seu objetivo, assim como o respeito de grande parte da torcida.

A confiança da torcida ajudou o treinador no sonho de uma conquista por uma vaga para a próxima Libertadores. No entanto, a equipe alvinegra voltou a apresentar um futebol abaixo do esperado nesta reta final do Campeonato Brasileiro.

Sem possibilidade de chegar à Libertadores ou de ser rebaixado no Brasileirão, resta ao Corinthians se contentar com a classificação para a Sul-Americana. Sendo assim, o planejamento para a próxima temporada teve início.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

O clube paulista deve começar trabalhando com uma lista de dispensa. No momento, a diretoria definiu a situação da dupla Éderson e Everaldo. Pouco utilizados pelo técnico Vagner Mancini, ambos os atletas estão fora dos planos para 2021 e deixarão o Timão nos próximos dias.

As duas saídas serão comemoradas pela torcida corinthiana, pois ambos os atletas vinham sendo pouco aproveitados e, quando acionados, não conseguiam demostrar um bom futebol. Por esse motivo, a direção optou pela transferência da dupla.

O volante Éderson está ciente que não faz parte dos planos de Vagner Mancini para a próxima temporada. O jogador sequer foi relacionado nas últimas cinco partidas. Aos 21 anos, o atleta deve deixar o Corinthians através de empréstimo, mas não tem um clube certo.

Vale destacar que Éderson chegou ao Timão após rescindir seu contrato com o Cruzeiro, de forma amigável. Seu vínculo contratual com o clube paulista vai até o começo de 2025 e uma nova rescisão está totalmente descartada nesse momento.

O atacante Everaldo também está com os dias contados no Corinthians. Ele até teve seus momentos de glória com a camisa alvinegra, mas está sem moral com técnico Vagner Mancini. A intenção da diretoria é acertar uma venda em definitivo do jogador, que tem contrato com o clube até 2023.

Publicidade
Publicidade
Vinicius Araújo

Escrito por Vinicius Araújo

Redator i7 Network - Notícias do mundo do futebol.