in

Renato Portaluppi recusou R$ 21 milhões para deixar o Grêmio, mas faz exigência à diretoria

Divulgação Flamengo
Publicidade

Renato Portaluppi fica ou sai do Grêmio? Esta é a pergunta que preocupa os torcedores do Grêmio neste fim de temporada. A resposta deve ser dada apenas depois do segundo jogo da final da Copa do Brasil, contra o Palmeiras, marcado para o dia 7 de março, no Allianz Parque.

Renato já chegou a afirmar que cinco minutos de conversa com o presidente do clube, Romildo Bolzan, define a situação. O treinador está no clube desde 2016 e conquistou títulos importantes neste período, como a Copa do Brasil de 2016 e a Copa Libertadores da América de 2017.

Renato estaria na mira do Atlético-MG, que pode perder Jorge Sampaoli. Renato estaria disposto a permanecer no Grêmio, onde é ídolo da torcida, mas isso estaria atrelado a contratação de reforços de peso para o elenco do Imortal Tricolor. Recentemente, o atacante Pepê foi vendido para o Porto, de Portugal, e deixa o Grêmio no meio do ano.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Renato quase deixou o Grêmio no ano passado

Renato Portaluppi quase deixou o Grêmio no fim de 2020. De acordo com informações do jornalista Eduardo Gabardo, do GaúchaZH, o Al-Rayyan, do Catar, tentou contratar o treinador do Grêmio para o lugar de Diego Aguirre, que havia deixado o clube em novembro. 

Segundo Gabardo, o clube catar ofereceu 4 milhões de dólares (cerca de R$ 21,5 milhões na cotação atual) por ano ao treinador. É um valor muito acima do que normalmente um treinador recebe no futebol brasileiro. O salário mensal seria de quase R$ 2 milhões. Renato preferiu continuar no Grêmio e disputar a reta final de Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

Publicidade
Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!