in

Meia dá prejuízo ao Grêmio, contrato caminha para o fim e martelo é batido pela diretoria

Divulgação Grêmio
Publicidade

O Grêmio ainda tem compromissos importantes na temporada 2020, mas já pensa nas competições que vão começar em 2021 e planeja a equipe para a próxima temporada. Nos dias 28 de fevereiro e 7 de março, o Grêmio joga a final da Copa do Brasil contra o Palmeiras.

A primeira partida está marcada para Porto Alegre. A volta acontece em São Paulo. Além da taça, o título é importante pela questão financeira. A Copa do Brasil paga muito bem às equipes que vão avançando de fase. O título pode acalmar o momento complicado Grêmio.

Robinho deve sair do Grêmio

O meia Robinho chegou ao Grêmio no começo do ano, mas não conseguiu se firmar entre os titulares da equipe. No momento, ele segue recebendo salário normalmente, mas não fica à disposição do treinador Renato Portaluppi.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Robinho tem contrato com o Grêmio até o dia 28 de fevereiro. Depois disso, ele não vai continuar no Imortal Tricolor. O meia deve voltar ao Coritiba, equipe que acabou de ser rebaixada para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro após derrota para o Santos no fim de semana.

Robinho se deu bem no Coritiba entre 2011 e 2014. O jogador ajudou a equipe a conquistar o Campeonato Paranaense e a chegar nas finais da Copa do Brasil de 2011, contra o Vasco, e de 2012, contra o Palmeiras. Em ambas as vezes, o Coxa perdeu a final.

A diretoria do Grêmio já bateu a martelo e não fará nenhum esforço para impedir a saída de Robinho. O jogador, infelizmente, não rendeu o esperado na equipe comandada por Renato Portaluppi. Assim como Thiago Neves, que já saiu.

Publicidade
Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!