in

Renato Gaúcho desabafa e faz ameaça após derrota do Grêmio no clássico contra o Inter: ‘Essa palhaçada’

Lucas Uebel - Divulgação - Grêmio
Publicidade

O Gre-Nal 429 reservou fortes emoções e muitas polêmicas na noite do último domingo (24), no estádio do Beira-Rio. O Grêmio vencia o arquirrival até o fim do tempo regulamentar, quando acabou sendo vazado duas vezes e saiu derrotado, vendo assim um longo tabu de invencibilidade frente ao Colorado cair.

Bastante incomodado com a arbitragem de Luiz Flávio de Oliveira, que gerou muita polêmica por conta de um pênalti assinalado nos últimos instantes, o técnico Renato Gaúcho teceu fortes comentários na coletiva após o clássico.

Irritado, o comandante do Imortal afirmou que as decisões do árbitro “avacalharam” o Brasileirão, e ainda fez uma ameaça de colocar o time de transição para disputar a reta decisiva da competição. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Renato mostrou descontentamento com a arbitragem por conta de dois lances. O primeiro deles foi uma disputa de Nonato com Ferreira. O jogador do Grêmio caiu na área se queixando de uma penalidade, que não foi assinalada após conversa de Luiz Flávio com o VAR.

Quando o Gre-Nal 429 se encaminhava para um empate, a bola bateu na mão de Kannemann e o árbitro apontou a penalidade a favor dos donos casa, convertida por Edenilson, decretando assim a virada dos colorados. 

“Quatro ou cinco times poderiam brigar pelo título, mas pela palhaçada que ocorreu hoje, o campeonato acabou. Eu fui criticado, o Grêmio por não querer nada com o Brasileiro. Isso nunca houve. Se o presidente autorizar, vou colocar a transição para jogar o resto do Brasileiro e a gente se prepara para a final da Copa do Brasil. Só o presidente dar o ok. Para ver isso aí, é melhor ficar treinando”, ameaçou o comandante do Tricolor. 

Próximo compromisso

Após o revés sofrido para o arquirrival Internacional, o Grêmio volta a campo nesta quinta-feira (28), quando enfrenta o Flamengo, às 20h (de Brasília) em Porto Alegre, em confronto remarcado da 23 rodada. No domingo (31), o Imortal visita o Coritiba, no Couto Pereira, pela 32 rodada do certame nacional. 

Com 51 tentos somados, o Tricolor figura na sexta colocação do Brasileirão, ficando a 11 pontos do líder Inter, mas com um jogo a menos em relação ao rival. 

Além de pleitear a disputa na parte de cima da tabela do Brasileirão, o Grêmio está na grande decisão da Copa do Brasil e enfrentará o Palmeiras na busca por mais um título do torneio copeiro. As datas dos confrontos ainda dependerá do desfecho da Copa Libertadores, onde o Verdão também é finalista. 

Publicidade
Publicidade