in

Em início de gestão, Duílio ‘bate o pé’ e define situação com Paulinho e Renato Augusto

Radar Esportes / Corinthians TV
Publicidade

Independente de qual seja a condição financeira, o Corinthians sempre chamará atenção no mercado da bola e tentará trazer sempre jogadores de alto nível. No entanto, Duílio coloca os ‘pés no chão’ e quer evitar gastos elevados neste ano.

Todos já sabem que o Timão realizará apenas contratações dentro de sua realidade financeira. Além disso, nomes pouco utilizados e que ainda não demostraram identidade com o clube serão negociados, abrindo espaço para reforços.

O Corinthians não descarta a chegada de medalhões que agradam a torcida, desde que os valores pedidos não sejam altos. Neste sentido, os nomes mais especulados nos bastidores e pela torcida são do volante Paulinho e do meio-campista Renato Augusto.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Em entrevista ao GloboEsporte.com, Duílio Monteiro Alves tratou de colocar um ponto final nessas especulações e falou da possibilidade de contratá-los. “Claro que há carinho e identificação. Se houver essa chance, vamos olhar com todo carinho”.

Está cada vez mais nítido que Duílio não fará loucuras financeiras para contratar jogadores. Mesmo sabendo que necessita de novas peças de qualidade para o elenco, ele prega cautela e fará o possível para melhorar o time de Mancini.

Focado na disputa do Campeonato Brasileiro, o novo presidente do Timão não quer iniciar negociações com outros jogadores. Isso deve acontecer somente em meados de fevereiro, quando está previsto o término da competição nacional.

“Hoje não tem negócio em andamento. A gente vem iniciando um planejamento. Alguns retornando de empréstimo, outros só no fim de fevereiro”, disse Duílio ao GloboEsporte.com, explicando que ainda é cedo para falar de reforços.

A possível chegada de Paulinho começou a ser fortemente cogitada dentro do Corinthians após pedidos da Fiel. Embora tenha um bom relacionamento com o clube, o atleta recebe salário muito elevado e está fora dos padrões do Timão.

A situação de Renato Augusto é praticamente igual a de Paulinho. O meio-campista está defendendo o Beinjing Guoan, da China, onde tem vencimentos elevados. O próprio jogador tratou de falar que não recebeu ofertas do Corinthians.

Publicidade
Publicidade
Vinicius Araújo

Escrito por Vinicius Araújo

Redator i7 Network - Notícias do mundo do futebol.