in

Eliminado da Libertadores, Grêmio recebe punição da Conmebol que vai doer no bolso

Arte Diogo Marcondes
Publicidade

O Grêmio foi eliminado nas quartas de final da Copa Libertadores da América, na semana passada, após derrota para o Santos, na Vila Belmiro, por 4 a 1. Fora da principal competição de clubes do continente, o Tricolor recebeu uma multa da Conmebol.

A entidade organizadora da Libertadores puniu o Grêmio por infrações aos artigos 5.8.4 e 6.1 do Manual de Clubes da competição em 2020. De acordo com o jornalista Eduardo Gabardo, do site GaúchaZH, a multa se deu por publicação feita por um patrocinador do clube nas redes sociais.

A postagem fazia referência à competição e a Conmebol entendeu que se tratava de violação do regulamento e atentado contra os patrocinadores oficiais do torneio. O artigo 5.8.4 trata do marketing de emboscada em relação ao uso da marca da competição.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

O artigo 6.1 fala sobre patrocinadores oficiais. “Os patrocinadores e licenciados da Conmebol Libertadores formam um grupo exclusivo composto até 10 patrocinadores, um fornecedor de material esportivo e licenças oficiais validade pela Conmebol. Cada integrante desse grupo conta com exclusividade em sua categoria de produto e proteção da marca”, diz o documento.

Pela violação ao regulamento da Conmebol, o Grêmio acabou multado em 50 mil dólares (R$ 257 mil). Apesar de a infração ter sido cometida pelo patrocinador, o Grêmio é a entidade ligada à Conmebol e, por isso, terá que responder por esta ação de terceiro. 

Fora desse imbróglio jurídico, o Grêmio segue na briga dentro do Campeonato Brasileiro e inicia a disputa das semifinais da Copa do Brasil, nesta quarta-feira (23), contra o São Paulo, em Porto Alegre. A volta está marcada para o dia 30, no Morumbi.

Publicidade
Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!