São Paulo fecha venda de atacante e poderá embolsar cifras milionárias em futura negociação

Radar Esporte/ SPFC TV
Publicidade

Depois de uma saída conturbada para o Athletico, o atacante Guilherme Bissoli foi vendido de forma definitiva pelo São Paulo. Na última sexta-feira (18), Furacão e Tricolor se acertaram e fecharam as tratativas envolvendo o atleta. 

Observando um futuro e possível lucro pelo jogador, o São Paulo ficou com 20% dos direitos econômicos de Guilherme Bissoli, que vem em boa fase no time rubro-negro e pode representar boas cifras ao Tricolor futuramente, principalmente embasado no bom história que o clube do Paraná possui em negociações. O jogador assinou vínculo com o Furacão até o final de 2023. 

A informação foi divulgada pelo portal UmDois Esportes, e posteriormente foi confirmada pelo ge.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Sem briga

Querendo evitar uma possível disputa judicial com o São Paulo, onde poderia ter que indenizar a equipe paulista, a diretoria do Athletico Paranaense resolveu procurar o clube do Morumbi para chegar em um acordo pelo atleta, encerrando assim qualquer tipo de problema que pudesse surgir. 

Saída turbulenta

Guilherme Bissoli é cria da base do São Paulo e acabou deixando o clube do Morumbi de graça em meio à polêmica por conta de sua transferência para o Furacão. O São Paulo entendia que havia irregularidade no empréstimo do atacante para os rubro-negros, uma vez que ele tinha vínculo com o Club Fernando da la Mora, equipe da segunda divisão paraguaia. 

Joia da base, Bissoli defendeu o Tricolor de 2009 até 2018, chegando a conquistar títulos importantes como o Paulista Sub-17, Copa Ouro Sub-20 e a Copa RS Sub-20. Com a camisa do Athletico Paranaense, o atacante aparece como o principal artilheiro da temporada com nove tentos. No entanto, no atual momento, o jogador perdeu a vaga de titular para Renato Kayzer.

Publicidade
Publicidade