in

Libertadores: Torcida do Inter elege Lindoso vilão na eliminação diante do Boca Juniors

Divulgação Inter

O Inter está eliminado da Copa Libertadores da América. Depois de conseguir um feito incrível ao vencer o Boca Juniors por 1 a 0, no tempo normal, em plena Bombonera, na noite desta quarta-feira (9), o Imortal foi derrotado nos pênaltis, por 5 a 4, e acabou eliminado.

O Colorado comandado por Abel Braga perdeu o jogo de ida, na semana passada, no Beira Rio, por 1 a 0. O primeiro jogo aconteceu só na semana passada porque foi adiado em sete dias devido à morte de Diego Armando Maradona.

Jogando fora de casa, o Inter conseguiu vencer por 1 a 0 e animou os torcedores. A disputa foi para os pênaltis e os Colorados estavam esperançosos de que poderiam superar o Boca Juniors e avançar às quartas de final do torneio continental, onde o Grêmio já está. 

Rodrigo Lindoso é eleito vilão pela torcida do Inter

O Internacional cobrou seis pênaltis. Dois deles foram desperdiçados. Nas primeiras cinco cobranças, houve empate por 4 a 4. Rodrigo Lindoso perdeu o pênalti do Inter. Nas alternadas, o Boca Juniors marcou na sua sexta cobrança e toda a cobrança ficou sobre Peglow.

A joia do Internacional tinha a responsabilidade de marcar para que a disputa persiste. Em um chute no alto, no canto oposto ao do goleiro, a bola subiu demais e saiu por cima. Nas redes sociais, os torcedores do Colorado se juntaram para defender Peglow e criticar Rodrigo Lindoso.

O veterano não foi poupado das críticas. O jovem é visto como jogador do Inter para o futuro. Abel Braga também está sendo bastante criticado. Agora restou ao Grêmio o Campeonato Brasileiro. O Colorado já caiu na Copa do Brasil também.

Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!

Next post

Após Maradona, mais um carrasco da seleção brasileira tem morte anunciada

Santos: Benfica, de Jorge Jesus se posiciona sobre Lucas Veríssimo