in

Flamengo pode perder quatro jogadores de uma assentada

Flamengo - Pressfrom
Publicidade

Essa temporada de 2020 não está sendo fácil para o Flamengo. Após um ano perfeito, com Jorge Jesus, muitos torcedores acreditavam em uma continuidade do time carioca e mesmo em assumir uma hegemonia no futebol brasileiro. Porém, isso não está acontecendo e são esperadas algumas saídas do time, bem breve. De acordo com o portal Bola VIP, Marcos Braz, vice-presidente do futebol, estaria negociando algumas saídas do Mengão, que aliviariam a folha salarial do time carioca, incluindo um medalhão. 

Temporada difícil no Flamengo

Depois da eliminação na Copa dos Libertadores, no Flamengo, o foco passou total para o campeonato. Aí, continua tudo em aberto, quando o Flamengo precisa recuperar cinco pontos para o líder São Paulo. Na temporada passada, o time ganhou Libertadores e Campeonato Brasileiro, mas esse ano, as coisas estão sendo bem mais complicadas.

Com Rogério Ceni, a torcida tornou acreditar um pouco mais, se bem que o treinador brasileiro não estaria totalmente convencido com seu time. Essa ainda não seria a equipe ideal que Ceni está projetando para o Flamengo, enquanto que a diretiva tenta solucionar outros problemas, especificamente na folha salarial. A diretiva espera cortar gastos e, para isso, alguns jogadores, menos importantes no elenco, poderiam estar de saída.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Até quatro jogadores podem deixar Flamengo

De acordo com o portal Bola VIP, o Flamengo poderia abrir a porta de saída para até quatro jogadores. Então, Lincoln e Pedro Rocha não estariam mais nos planos do time e poderiam sair. Diego Alves também poderia não ter seu contrato renovado. Finalmente, a situação um pouco diferente de Gustavo Henrique.

O jogador poderia ser vendido para um outro time, de maneira que o clube iria cortar nos gastos com seu salário. O zagueiro chegou de graça no Mengão, do Santos, mas acabou ganhando um salário bem elevado, em redor dos R$ 580 mil. Agora, sua saída representaria uma boa poupança, e o Flamengo poderia começar já poupando nos gastos, a partir de janeiro do próximo ano. 

Publicidade
Publicidade