in

Anderson publica carta aberta e conta detalhes da Batalha dos Afiltos

Divulgação Grêmio / Reprodução RedeTV!
Publicidade

O meia Anderson tinha apenas 17 anos quando foi um dos jogadores mais importantes na partida que marcou a história do Grêmio e ficou conhecida como a Batalha dos Aflitos. O jogo virou até filme. O que poucos sabiam é que Anderson quase não entrou em campo naquele dia.

O meia tinha ficado chateado com o treinador Mano Menezes que, na partida anterior, contra o Santa Cruz, colocou o garoto que já estava vendo ao Porto apenas aos 46 minutos do segundo tempo. Era o último jogo de Anderson diante da torcida.

“Eu já tinha até falado com meu empresário e com o presidente Paulo Odone que não queria mais jogar. Foi uma semana bastante intensa. Eu estava muito triste, para baixo. Mas, com todos os jogadores me apoiando e me levantando, consegui ter a cabeça focada para a partida. Eu sabia que seria meu último jogo”, disse Anderson.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

O jogador revela na carta publicada pelo site GaúchaZH que o gol marcado contra o Náutico foi um trabalho de toda a vida. Ele saiu de casa aos nove anos de idade para tentar dar uma vida melhor à família por meio do futebol. Na comemoração do gol, ele desabafou por tudo que tinha acontecido dias antes. Anderson revelou também que apesar de voltar ao Brasil para defender o Internacional, em 2015, sempre acompanhou o Grêmio.

O meia elogiou a atual diretoria do Grêmio, comandada pelo presidente Romildo Bolzan Jr e citou que o clube conseguiu fazer caixa com a venda de jogadores revelados pelas categorias de base. Everton Cebolinha é um desses casos. O jogador foi vendido esse ano ao Benfica, de Portugal.

Anderson finaliza a carta desejando boa sorte ao Grêmio e diz que tem um carinho imenso pelo clube. “Parabéns pela Batalha dos Aflitos, não só aos jogadores e diretoria, mas a todo mundo que participou. Sou muito grato por poder contar esta história aos meus filhos e dizer que participei deste momento especial do clube”, encerrou o ex-atleta do Imortal.

Publicidade
Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!