in

Corinthians chega a acordo com Tiago Nunes e define pagamento da multa contratual

Divulgação Corinthians
Publicidade

Tiago Nunes havia chegado ao Corinthians para revolucionar o esquema tático da equipe que vinha sendo aplicado há anos. No entanto, surgiram muitas dificuldades e seu trabalho frente à equipe foi encerrado precocemente.

Ao demitir o treinador, a diretoria do Corinthians assumiu a responsabilidade de pagar o valor da multa contratual. No entanto, isso não causou problema na relação do técnico com a atual gestão alvinegra.

A multa contratual a ser paga pelo Timão ao treinador gira em torno de R$ 1,2 milhão. De acordo com a Gazeta Esportiva, o Corinthians chegou a um acordo com o estafe de Tiago e pagou parte do valor. O restante foi parcelado.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Chegando a um acordo de forma amigável, o Corinthians conseguiu oficializar a rescisão de contrato na última terça-feira (17). No entanto, o fato que chamou atenção foi a “grandeza” de Tiago Nunes ao negociar o pagamento da multa.

Vale destacar que ambas as partes vêm negociando essa situação desde outubro. No entanto, não estava havendo qualquer tipo de pressão por parte de advogados. Com isso, o clima era de total harmonia entre as partes.

O que vem preocupando é o fato do Corinthians estar pagando três treinadores simultaneamente. Além de Vagner Mancini, que está comandando a equipe, o Timão segue pagando Tiago Nunes e Fábio Carille, ambos devido a rescisão contratual.

O valor pago a Fábio Carille é muito alto, pois a multa foi de R$ 4 milhões. Ambas as partes chegaram a um acordo e esse valor foi dividido para ser pago em 12 parcelas.

O Corinthians tenta se esquivar dos problemas fora de campo para obter um desempenho favorável na disputa do Brasileirão. A equipe de Vagner Mancini enfrentará o Grêmio no próximo domingo (22) e busca se afastar do Z-4.

Publicidade
Publicidade
Vinicius Araújo

Escrito por Vinicius Araújo

Redator i7 Network - Notícias do mundo do futebol.