in

Grêmio recebe proposta irrecusável de R$ 15 milhões por jovem prodígio da base e diretoria encaminha a venda

Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Publicidade

Diante da longínqua passagem de Renato Portaluppi no comando do Grêmio, o treinador soma em seu currículo várias contratações, algumas positivas, outras nem tanto. Ainda sob os olhares atentos do comandante, jovens prodígios vindos das categorias de base também foram aproveitados, ao passo que outros não mostraram futebol tão consistente como esperado.

Patrick, de 21 anos, é um dos exemplos de jogadores vindos das categorias de base que não vingaram entre os profissionais. O meio-campista iniciou nas categorias de base aos 10 anos e, em 2017, quando teve grande destaque atuando pelo time de transição, foi convocado por Renato Portaluppi para o elenco profissional, sendo aproveitado em algumas partidas do Campeonato Brasileiro.

Publicidade

O meio-campista está inscrito para a disputa da Libertadores, mas pode estar de saída do Grêmio. As informações foram apuradas pelo jornalista Guilherme Corrêa, da Rádio Pachola. Segundo ele, Patrick interessa a um grupo francês que administra o Lille e diversos outros clubes espalhados pela Europa. Tudo indica que o destino do garoto será algum clube da Bélgica, cujo nome ainda não foi divulgado.

Publicidade

O mesmo jornalista indica que esta negociação deverá girar na casa dos R$ 15 milhões. Para garantir os seus direitos em uma eventual revenda de Patrick, o Grêmio continuará detentor de uma parcela dos direitos econômicos do meio-campista.

A negociação de Patrick com o futebol da Europa tem sido vista com bons olhos nos bastidores do Grêmio. O clube de Porto Alegre sofreu impactos significativos em virtude da pandemia do novo coronavírus, e necessita angariar fundos para recuperar a sua saúde fiscal, elevando os níveis de reservas em seus cofres.

Avatar

Escrito por Henrique

Henrique Furtado é um redator que gosta de ocupar o seu tempo livre lendo notícias, e noticiando aquilo que acha mais interessante.

Raí dá cartada final após torcida pedir demissão de Diniz por conta da vexatória eliminação na Libertadores

Dunga pode assumir o Corinthians; ex-auxiliar de Tite também está no radar