in

Calleri no São Paulo? Atacante rejeita o Grêmio e novela ganha novo episódio

Divulgação São Paulo
Publicidade

Jonathan Calleri jogou no São Paulo no primeiro semestre de 2016. Pouco tempo, mas o suficiente para se tornar um dos jogadores mais queridos a passar pelo Tricolor na década perdida da equipe do Morumbi. Entre 2011 e 2020, o São Paulo conquistou apenas a Copa Sul-Americana de 2012.

Nos últimos dias, a torcida sofreu uma grande decepção com a eliminação nas quartas de final do Campeonato Paulista para o modesto Mirassol. A equipe do interior bateu o São Paulo por 3 a 2, no Estádio do Morumbi. Para muitos, a eliminação mais vergonhosa da história.

O Mirassol trocou o elenco durante a pandemia do novo coronavírus e a vitória do São Paulo era praticamente certa. Só faltou combinar com o time do interior. Após a partida, a torcida criticou alguns jogadores, como Daniel Alves, e os dirigentes, Alexandre Pássaro e Raí.

Publicidade

Calleri volta a dizer que no Brasil só joga no São Paulo

Calleri foi importante na campanha do São Paulo na Copa Libertadores de 2016. A equipe chegou à semifinal e parou no Atlético Nacional. Ele saiu, mas ficou cravado no coração dos torcedores. Desde então, houve diversos rumores de que ele voltaria, mas nunca se concretizou.

Publicidade

No momento, a torcida pede reforços à diretoria. Paralelo a isso, o atacante argentino deu entrevista à GaúchaZH e falou sobre suposto interesse do Grêmio em seu futebol. “Só jogo no São Paulo (no Brasil), ou fico aqui na Europa”, afirmou o jogador, com poucas palavras, mas suficientes para animar novamente a torcida do time do Morumbi. O problema é que reforços não devem ser contratados. O São Paulo enfrenta crise financeira.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Grêmio está atrás de atacante uruguaio para reforçar equipe de Renato Portaluppi

Mais perto do Flamengo: conselheiros do São Paulo se reúnem para decidir negociação milionária de Daniel Alves