in

Corinthians pode estar perto de encher os cofres com a venda desses dois jogadores

Reprodução/ Meu Timão
Publicidade

A situação financeira no Corinthians se encontra longe de sua melhor fase. O Timão contabilizou, ao final do ano passado, um déficit financeiro de R$ 177 milhões. Com os jogadores já em treinamento, o clube paulista está focado para o confronto contra o Palmeiras pelo Campeonato Paulista, no próximo dia 22.

Dentro das quatro linhas, o comandante Tiago Nunes vem fazendo seus últimos ajustes para a partida de retorno da competição estadual. Fora de campo, a diretoria do Timão está com a expectativa de vender dos jogadores do elenco e aliviar os cofres do clube.

Publicidade

Publicidade

O meio-campista Mateus Vital e o lateral-esquerdo Carlos Augusto estariam sendo mira de sondagens, mas o nome dos interessados não foram divulgados. A informação é do blog do Perrone. O dinheiro da venda dos dois atletas ajudaria o Corinthians a começar amenizar o déficit financeiro.

Recentemente, o alvinegro paulista não aceitou uma oferta de R$ 40 milhões do Monza por Carlos Augusto. As eventuais vendas dos atletas do plantel se configuraria no plano da diretoria para entregar o mandado para o próximo presidente com um superávit.

Vivendo uma fase financeira delicada, a ordem do Timão para esta temporada é que os cofres sejam fechados. O Corinthians, até o momento, comprou jogadores que seriam essenciais ao clube e ao mesmo tempo encaixasse no teto salarial. A única exceção foi o atacante , que chegou de graça ao Parque São Jorge, após rescindir contrato com Nagoya Grampus, clube japonês. O objetivo atual do clube paulista é de vender jogadores, e não comprar. 

Publicidade
Avatar

Escrito por Rafael

Rafael Ferreira é um escritor apaixonado por jornalismo. Gosta de redigir notícias, levando entretenimento e cultura para seus leitores. Sinta-se à vontade para entrar em contato: rafael_ferreira_@live.com

Next post

Jorge Jesus fora do Flamengo: imprensa portuguesa confirma acerto com Benfica

Com possível saída de Jorge Jesus, Flamengo já monitora Marcelo Gallardo, do River Plate