in

Daniel Alves fala sobre racismo e diz qual o único ser humano diferente dos demais

Divulgação São Paulo
Publicidade

O lateral-direito Daniel Alves é um dos grandes nomes do futebol mundial. Aos 37 anos e com 42 títulos na carreira, o jogador defende o São Paulo. Daniel Alves jogou por muitos anos no Barcelona e é muito querido na Espanha. O lateral participou do programa “Hoy no se sale” e falou sobre diversos assuntos.

Daniel Alves comentou casos de racismo. Quando jogava no Barcelona, o jogador foi alvo de um ataque racista. Em partida contra o Villareal, em 2014, torcedores jogaram banana em campo, na direção do lateral, quando ele se preparava para cobrar escanteio, aos 30 minutos do segundo tempo.

Em situação inusitada, Daniel Alves pegou a banana no chão, descascou e comeu. O jogo disputado fora de casa terminou vitória do Barcelona, de virada, por 3 a 2. 

Publicidade

Dani Alves abre o jogo sobre racismo

Em participação no programa espanhol, o jogador falou sobre racismo no futebol. “Quando há uma catástrofe, as pessoas recorrem às redes e depois mais nada. No mundo cabe todas as pessoas, o que precisa é respeito. Somos todos iguais, com o mesmo sangue e com os mesmos órgãos”, afirmou Daniel Alves.

Publicidade

O lateral do São Paulo continuou dizendo que existe apenas um alienígena, referindo-se, em seguida, ao craque do Barcelona Lionel Messi. “Minha mensagem é que o insulto não vai me afetar e nem me fazer chorar”, declarou o jogador.

Daniel Alves e Lionel Messi jogaram por muitos anos no Barcelona e conquistaram muitos títulos pela equipe espanhola. Messi continua no clube que o revelou. Daniel Alves, maior campeão da história do futebol mundial, está no Brasil desde o ano passado.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Caso Ronaldinho: Daniel Alves sai em defesa do ex-craque em entrevista à TV Espanhola

Atlético-MG: bilionário que investe no clube é muito mais rico que Leila Pereira