in

Covid-19: Flamengo divulga resultados de novos testes e se prepara para volta do futebol

Alexandre Vidal / Flamengo
Publicidade

Não existe equipe no Brasil que mais se interessa pelo retorno do futebol em meio a pandemia do novo coronavírus do que o Flamengo. A equipe carioca voltou a treinar e tem realizados teste periódicos para identificar se seus funcionários estão com a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Ao todo, já são cinco semanas de treinamento no Ninho do Urubu. Nesta terça-feira (16), o Flamengo divulgou resultados de novos testes realizados. De acordo com o clube, não houve novo caso de Covid-19 em comissão técnica, jogadores e funcionários do departamento de futebol.
Todos testaram negativo.

O clube emitiu nota e divulgou foto do treinador Jorge Jesus realizando o teste. O PCR foi feito na sexta e o exame sorológico foi realizado nesta terça. “O Clube de Regatas do Flamengo informa que todos os atletas e colaboradores da comissão técnica testaram negativo no exame semanal de coronavírus, realizado nesta terça-feira (16.06), no CT”, afirmou.

Publicidade

O texto diz ainda que o Flamengo trabalha em acordo com o protocolo de segurança da Ferj e busca conceder a segurança necessária para o departamento de futebol do clube. Quando o Flamengo retomou os trabalhos, há cinco semanas, registrou 38 infectados.

Publicidade

Flamengo se prepara para a volta do futebol

O Flamengo se prepara para retornar a disputar partidas oficiais. Há grande expectativa para que o Rubro-negro volte a campo na quinta-feira, contra o Bangu, em partida válida pelo Campeonato Carioca. O jogo deve ser disputado no Estádio do Maracanã. Nesta terça, reunião na Ferj deve confirmar data e horário da partida.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Reformulação? Cruzeiro vai perder mais dois jogadores no mercado da bola

Flamengo x Bangu: 1º jogo do Brasil pós-pandemia pode ter presença de Bolsonaro