in

Caio Ribeiro mantém opinião sobre polêmica envolvendo Raí e conta tudo em entrevista

Reprodução Globo
Publicidade

Ex-jogador de futebol e atual comentarista da Rede Globo, Caio Ribeiro foi entrevistado pelo jornalista Jorge Nicola, em seu canal no YouTube. Na conversa de mais de 30 minutos, Caio falou sobre a polêmica envolvendo ele, o diretor de futebol do São Paulo, Raí, e o presidente Jair Bolsonaro.

Após Raí se posicionar contra o presidente da República, Caio Ribeiro criticou o dirigente por expor sua opinião política. Dias depois, Caio foi criticado pelo colega Walter Casagrande durante o programa Bem, Amigos, do SporTV. O caso viralizou nas redes sociais.

Caio Ribeiro explica seu posicionamento

Na entrevista a Nicola, Caio explicou seu posicionamento e garantiu que não tem nada contra Raí. Caio garantiu que não estava defendendo o governo quando criticou Raí. A fala do comentarista pode ser vista a partir do 16º minuto do vídeo.

Publicidade

“Em nenhum momento entrei em dividida política. Volto a dizer: todo mundo pode se expressar da maneira que quiser, mas tem que tomar cuidado quando você representa alto maior que você”, explicou Caio, depois de afirmar que o estatuto do São Paulo não permite manifestações políticas.

Publicidade

Caio afirma que mantém opinião

O comentarista da Globo afirmou que conversou com Raí rapidamente após a polêmica. Primeiro, ele soube por amigos em comum que o dirigente estava chateado pela repercussão do caso e por como Caio estava sendo atacado nas redes sociais. Apesar da polêmica, o comentarista esportivo mantém a mesma opinião. “Eu tenho a minha opinião, vou emiti-la como comentarista e mantenho ela”, afirmou Caio.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Cruzeiro ultrapassa Botafogo e lidera o ranking nacional das dívidas

Messi aparece com visual diferente em treino do Barcelona e web repercute: ‘é você?’