in

Ex-jogador de Corinthians e Santos é preso pela quarta vez em São Paulo

Futebol do Interior
Publicidade

Com passagens por Corinthians e Santos, o ex-jogador Piá foi preso em flagrante no último sábado (23) ao tentar furtar envelopes com dinheiro em um caixa eletrônico no interior paulista. Curiosamente, esta foi a quarta vez que o ex-atleta é detido pelo mesmo motivo.

Após prestar depoimento junto com o seu companheiro, Piá foi transferido para Limeira, onde passou a noite em uma unidade prisional. As informações foram reveladas pelo Globoesporte.com. O ex-jogador passará por uma audiência de custódia neste domingo (24) para a sequência do caso ser definida. 

De acordo com a Guarda Municipal, o ex-jogador de 46 anos estava sendo monitorado há alguns dias após denúncias de que ele estava praticando crimes do tipo na região. No Boletim de Ocorrência foi registrado de Piá estava de motorista, enquanto o outro comparsa realizava a ação criminosa.

Publicidade

Piá se aposentou dos gramados em 2011. Três anos mais tarde enfrentou problemas com a Justiça após tentar furtar um caixa eletrônico da cidade de Campinas. No ano seguinte, acabou cometendo o mesmo crime em duas oportunidades, nas cidades de Americana e Bauru, respectivamente. 

Publicidade

A
Carreira 

Dentro das quatro linhas, Piá teve bom destaque vestindo a camisa da Ponte Preta. Na Macaca, o meia ficou de 2000 até 2004. O bom futebol apresentado na equipe interiorana despertou o interesse do Corinthians em sua contratação.

Contudo, a sua passagem no Timão durou pouco tempo. Com a camisa alvinegra, Piá atuou apenas cinco vezes. O início de carreira de Piá foi no Santos, mas também pouco brilhou e foi emprestado várias vezes.

Publicidade
Next post

Júlio César elogia Jorge Jesus e diz que treinador do Flamengo é um dos melhores

Camisa oficial do Flamengo 2020 foi lançada em fevereiro, mas time segue parado