CLUBES

Após penhora, Taça do Mundial do Corinthians de 2012 pode ir à Leilão

O Corinthians tem uma dívida antiga com o Instituto Santanense de Ensino Superior, desde 2008 a universidade cobra o Timão de pagar um valor de R$ 2,48 milhões. O valor é cobrado por conta de uma denúncia da universidade.

A diretoria do Corinthians se negou pagar a dívida e vem brigando na Justiça. Contudo, a universidade conseguiu penhorar a Taça do Mundial de Clubes de 2012 da equipe. No entanto, o Timão não pode vender a taça por conta da penhora. 

Até o momento, o Corinthians só teve a penhora como ponto negativo, mas caso a conta não for paga, o juiz Luis Fernando Nardelli, da 3° Vara Cível de São Paulo, pode mandar a Taça à um Leilão. 

O presidente Andrés Sanchez deu uma entrevista para falar sobre o caso e se defendeu. 

Pelo menos o Corinthians tem taça de Mundial, duas, para penhorar, né? Em 48 horas vamos resolver, sem problemas, não tem mais acordo, vamos pagar e depois esperar o processo para receber nossa parte. Mas é uma ação midiática, os advogados devem torcer para outro time e fizeram isso“, disse o presidente. 

O caso é por conta de um processo feito há 10 anos. A universidade processou o Corinthians por alegar que o clube dificultava o acesso a alunos e funcionários a um campus que funcionava no Parque São Jorge. Em 2010, o Corinthians foi condenado a indenizar a instituição. 

A dívida nunca foi paga e o Instituto Santanense continuou insistindo no caso e agora conseguiu penhorar Taça do Timão na Justiça e obriga o clube a pagar imediatamente o valor, para não acabar em um Leilão.

Tags

Bruno Avila

Escritor de futebol e política desde 2016, quando comecei o trabalho na Blasting News, hoje migrei ao 1news e sou um dos escritores mais lidos do site.

Artigos relacionados

Close