in

Cruzeiro pode ser rebaixado para a Série C do Brasileirão em nova punição da Fifa

Veja
Publicidade

Nem mesmo o torcedor mais pessimista do Cruzeiro poderia imaginar um 2020 tão ruim como está sendo. Em 2018, a equipe foi campeã da Copa do Brasil em cima do Corinthians, fora de casa, garantiu vaga na Libertadores do ano seguinte e tudo parecia muito bem. O problema era o que acontecia nos bastidores.

Com dívidas acumuladas e problemas internos, o Cruzeiro abusou da troca de treinadores em 2019 e acabou rebaixado no Campeonato Brasileiro pela primeira vez em sua história. A queda para a Série B entristeceu os torcedores, mas o fundo do poço parece não ter fim para a equipe celeste.

Publicidade

Cruzeiro pode cair para a Série C

Nos últimos dias, o Cruzeiro foi punido pela Fifa com a perda de seis pontos na Série B. O motivo da punição foi a dívida de R$ 5 milhões não paga ao Al-Whada pelo empréstimo do volante Denílson, em 2016. A entidade máxima do futebol vai determinar um novo prazo, de 30 a 90 dias, para que o time brasileiro quite a dívida.

Caso não pague nesse novo prazo, o Cruzeiro sofrerá outra punição da Fifa. Pode ser que essa punição seja a queda de divisão no torneio nacional, o que levaria o Cruzeiro para a Série C do Brasileirão. A Fifa trabalha, basicamente, com etapas de punição aos clubes que fazem o que o Cruzeiro fez.

Publicidade

A primeira é apenas uma advertência. A segunda é uma multa. A terceira é a perda do direito de registrar atletas – o clube fica impedido de fazer contratações. A quarta é a perda de três ou seis pontos. Esta foi a punição imposta ao Cruzeiro.

A quinta punição é rebaixamento no torneio nacional. O Cruzeiro pode se dar mal na Fifa. No dia 29 de maio, o clube terá que pagar R$ 11 milhões pela compra de Willian Bigode. Se não quitar a dívida, nova punição de perda de pontos deve ser imposta. A situação do clube é muito delicada.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Ex-treinador da seleção brasileira está internado na UTI com câncer

Corinthians: corajoso, Cássio avalia trabalho de Tiago Nunes e diz o que pensa