in

Atlético-MG: Alexandre Mattos admite interesse em Bruno Henrique e surpreende

Divulgação Palmeiras
Publicidade

Alexandre Mattos chegou a pouco tempo no Atlético-MG e tem a missão de reforçar a equipe comandada por Jorge Sampaoli. O argentino só aceitou dirigir o Galo com a promessa por parte da diretoria de que o elenco seria reforçado. O objetivo é brigar na parte de cima da tabela do Campeonato Brasileiro e bater de frente com o Flamengo.

O Atlético-MG terá apenas o Brasileirão para disputar quando o futebol voltar – se o Estadual for cancelado. A equipe, dirigida nos primeiros meses do ano por Rafael Dudamel, foi eliminada na primeira fase da Copa do Brasil e da Copa Sul-Americana.

Publicidade

Alexandre Mattos fala do interesse em Bruno Henrique

Bruno Henrique foi contratado por Alexandre Mattos para defender o Palmeiras. De acordo com o dirigente que agora está no Galo, o São Paulo já estava praticamente acertado com o volante. Mattos revelou que Bruno Henrique é seu amigo e mostrou interesse no atleta.

“Tomara que eu possa trabalhar com ele, muito em breve. Acho difícil o Palmeiras pensar em vender, quando veio uma proposta de 9 milhões de euros da China, renovamos seu contrato. Bruno tem um baita contrato no Palmeiras, merecido, é uma das referências e se o Palmeiras quiser fazer um negocinho, a gente pode pensar, mas acho bem improvável”, afirmou o dirigente.

Publicidade

Alexandre Mattos busca os reforços que Sampaoli precisa para bater de frente com o Flamengo. A missão do Galo no Brasileirão não será fácil. Além do Flamengo, há o próprio Palmeiras, o São Paulo, o Grêmio, o Internacional e outros times que podem dificultar o caminho do time mineiro rumo ao título ou em uma vaga na próxima Copa Libertadores.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Um destes craques africanos se recusou a ajudar no combate ao novo coronavírus

Globo mostra o que o Flamengo queria esconder e tudo pode acabar mal para o clube