in

Palmeiras bate de frente com a Globo e fatura mais que rivais com direitos de transmissão

Arte Diogo Marcondes
Publicidade

O Palmeiras deu dor de cabeça à Rede Globo por causa dos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro de 2019. O Verdão negociou com a Turner na TV fechada e fez jogo duro com a maior emissora do país. O resultado disso foi bastante positivo para os cofres do Palmeiras.

A explicação é simples. Desde o ano passado, houve mudança na distribuição de receita aos clubes que disputam a Série A do Campeonato Brasileiro. Do total de receita, 40% foram distribuídos de forma igual para todas as equipes. Outros 30% foram distribuídos de acordo com a classificação das equipes. Os 30% restantes foram pagos de acordo com a quantidade de partidas transmitidas.

Palmeiras teve bastante partidas transmitidas pela Globo

O acerto com a Turner foi benéfico para o Palmeiras. Isso porque a Globo, como forma de barrar a concorrência, exibiu jogos do Verdão para a capital paulista. Por contrato, a Turner não pode exibir as partidas para a praça onde ela acontece.

Publicidade

Neste cenário, a Turner se daria bem na cidade de São Paulo transmitindo jogos do Palmeiras que aconteceram em outros locais. Só que a Globo também mostrava estas partidas e isso fazia a audiência da TNT (canal que exibiu os jogos da Turner) não ser tão alta quanto se esperava.

Publicidade

Mais jogos, mais dinheiro

Com mais jogos exibidos na TV aberta, o Palmeiras ganhou mais dinheiro. O ranking mostra que o Verdão faturou R$ 216 milhões com receitas de TV em 2019 ante R$ 166 milhões em 2018. O líder do ranking é o Flamengo, com R$ 329 milhões. O Corinthians aparece na terceira posição, com R$ 190 milhões. São Paulo e Santos ocupam sexta e sétima posições, ambos com R$ 110 milhões cada.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Elite dos árbitros do futebol brasileiro ganha em média R$ 25 mil por mês

Champions League tem data prevista para ser retomada e deve mudar formato