in

Morre torcedor que doou prêmio da loteria ao time do coração

Wilson Dias/Agência Brasil
Publicidade

Até onde pode chegar o amor de um torcedor? Alguns colecionam camisas do clube do coração e enfeitam suas casas com objetos da equipe – canecas, quadros, faixas, copos, entre outros. Outros viajam para ver o clube jogar, seja na cidade, no estado, no país ou até no exterior. É difícil medir o amor de torcedor.

Um homem chamado Julio Roque Pérez deu novo significado ao amor pelo clube de coração. Julio realizou o desejo de milhões de pessoas que jogam na loteria em busca de um prêmio robusto. Argentino, ele apostou e ganhou na loteria do país. Com o dinheiro em mãos, decidiu doar todo o valor.

Publicidade

Torcedor doa dinheiro para clube de coração

O Godoy Cruz inaugurou o Estádio Feliciano Gambarte em 1959. Em 1975, Julio ganhou na loteria e doou todo o dinheiro para o seu time de coração. Na época da doação, o dinheiro foi usado para finalizar a construção do estádio. Também foi usado para colocar refletores, assentos a mais e outras melhorias no estádio.

Como homenagem por ter doado todo o dinheiro ao clube, Julio ganhou uma estátua em frente ao estádio. O monumento foi batizado de “La hincha” (“A torcida”, em tradução livre). Julio colocou seu nome na história do Gody Cruz e goi homenageado em sua morte.

Publicidade

Torcedor símbolo morre aos 80 anos

Julio tinha 80 anos, morava em Mendonza, cidade vizinha a do seu time de coração, e morreu na última terça-feira (12). O Godoy Cruz postou uma homenagem no Twitter. “Para sempre, querido Julio. Nós te amamos para sempre”. Um vídeo acompanha o post.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Next post

Alexandre Pato faz pergunta sobre horário das partidas de futebol e causa polêmica

Rafael Sóbis no Grêmio? A última notícia que o torcedor do Inter não esperava