in

Fifa toma decisão surpreendente por conta da pandemia

Divulgação - Fifa
Publicidade

A pandemia do coronavírus mexeu radicalmente com o mundo do futebol. Além da indefinição acerca do regresso dos certames, clubes mergulhando em crises financeiras, o cenário vem impactando até mesmo os eventos organizados pela Fifa. 

De acordo com o jornal espanhol Marca, a entidade máxima do futebol decidiu suspender a edição 2020 do prêmio The Best, que anualmente condecora os melhores jogadores do mundo na temporada. A exemplo do ano passado, a edição estava marcada para setembro, e teria Milão como palco.

Publicidade

Se a decisão for oficializada, o craque Lionel Messi não poderá faturar o título de melhor jogador pelo segundo ano consecutivo. O craque do Barcelona é maior vencedor da premiação, com seis conquistas. Cristiano Ronaldo aparece logo na sequência com cinco troféus.

De acordo com o presidente da Fifa, Gianni Infantino, qualquer tipo de decisão tomada sobre futebol e que dependesse da entidade máxima, deveria ser pensando em prol do senso comum.

Publicidade

Até o momento, a única competição que ainda não foi cancelada ou alterada foi o Mundial de Clubes, que será disputado em dezembro, em Abu Dhabi.

Indefinição na Bola de Ouro

Nas últimas temporadas, a Fifa e revista France Football desmembraram seus respectivos prêmios. O veículo de imprensa entrega o seu troféu ao melhor jogador de futebol desde 1956, e ainda tem sua edição deste ano como uma incógnita. A Chuteira de Ouro, prêmio dado ao artilheiro da temporada europeia segue no mesmo cenário.

Em meio à pandemia, o Campeonato Alemão será a primeira competição de peso do Velho Continente que retomará as suas atividades. A bola volta a rolar no próximo sábado (16).

Publicidade
Next post

Craque que se negou a doar dinheiro para combater coronavírus posta fotos jogando futebol

Gabigol se envolve em polêmica com vizinhos por conta de festa em meio à pandemia