in

Palmeiras: Deyverson abre o jogo sobre jogar no Corinthians e surpreende

Divulgação Palmeiras
Publicidade

O atacante Deyverson ainda pertence ao Palmeiras, mas está emprestado ao Getafe, da Espanha. Há grande possibilidade de ele ser contratado em definitivo pela equipe espanhola no meio da temporada, quando acaba o contrato de empréstimo. Atualmente, o Campeonato Espanhol está paralisado devido à pandemia causada pelo novo coronavírus.

Deyverson concedeu entrevista ao canal Fox Sports e falou sobre a sua carreira. Questionado se jogaria em um dos rivais do Palmeiras, o atleta não ficou em cima do muro. Mesmo identificado com o Verdão, ele disse que não sabe o dia de amanhã e não descartou defender Corinthians ou São Paulo algum dia.

“Não podemos cuspir para o alto e imaginar que vai cair do lado. Você não sabe se pode cair na sua testa ou não. Eu sou um cara que não descarto clube nenhum. O Corinthians é um grande clube, o São Paulo também. Claro, eu tenho um grande respeito pelo Palmeiras, porque foi o clube que abriu as portas para mim. Mas eu não posso fechar portas em outros clubes também”, contou o atacante.

Publicidade

Deyverson cita jogadores que trocaram de clube

O atacante, que viveu altos e baixos na equipe do Palmeiras, citou alguns exemplos de jogadores que mudaram de clube. O volante Gabriel, hoje no Corinthians, jogava no Palmeiras. Willian Bigode fez caminho inverso. Tchê Tchê também atuava no Verdão, foi para o exterior e retornou ao Brasil para defender o São Paulo.

Publicidade

Deyverson concluiu dizendo que é ser humano igual a esses jogadores e garantiu: se um dia tiver que defender Corinthians ou São Paulo, defenderia. Resta saber se os torcedores dessas equipes vão querer Deyverson.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Flamengo – Gabigol comenta realização de jogos com portões fechados: ‘a gente entende’

Flamengo: Globo usa Rubro-negro para dar a volta por cima na audiência