in

Atacante do Real Madrid sofre fratura durante a quarentena e não tem prazo de retorno

Divulgação - Real Madrid
Publicidade

O Real Madrid sofreu uma baixa mesmo durante a paralisação do futebol por conta da pandemia do coronavírus. Na retomada dos jogadores aos treinamentos ocorrida nesta semana, o clube merengue informou nesta sexta-feira (08) que o atacante Luka Jovic acabou sofrendo uma fratura durante os treinamentos realizados em casa.

O time madrilenho, no entanto, não detalhou as circunstâncias da lesão e nem o prazo de retorno do atleta. Segundo o jornal espanhol “Marca”, o sérvio desfalcará o clube por “várias semanas”. Jovic estava cumprindo a quarentena em seu país, e chegou a se envolver em uma polêmica após desrespeitar a quarentena. 

Publicidade

Pode sair

Contratado com grande expectativa pelo Real Madrid, Jovic custou 60 milhões de euros (R$ 373,3 milhões na cotação atual) aos cofres do Real Madrid, mas não conseguiu render no clube merengue até o momento. O atacante é um dos cotados para deixar o clube na próxima temporada. Milan e Arsenal observam o atleta. 

Na atual temporada, Jovic acumulou 24 jogos com a camisa do Real Madrid, e balançou as redes adversárias em apenas duas oportunidades. O jogador de 22 anos tem contrato com o time merengue até junho de 2025. Segundo o Transfermarkt tem valor de mercado fixado em 35 milhões de euros.

Publicidade

Polêmica na quarentena

Cumprindo a quarentena na Sérvia, Luka Jovic se envolveu em uma polêmica no seu país após desobedecer as ordens do isolamento social, viajando para ir ao aniversário da namorada. Posteriormente, o jogador pediu desculpas publicamente, e fez um apelo para que todos ficassem em casa durante o período de quarentena.

Publicidade
Next post

Lateral diz que Cruzeiro não seria rebaixado com Ceni e revela postura dos ‘cobras’

Lateral da Seleção Brasileira testa positivo para o coronavírus