in

Multa rescisória de Gabigol causa polêmica e verdade surge no Flamengo

Divulgação Flamengo
Publicidade

Depois de toda novela envolvendo a contratação do atacante Gabigol, o Flamengo correria o risco de perdê-lo pela metade do valor estipulado na cláusula de rescisão contratual. Esta foi a informação divulgada pelo jornalista Jorge Nicola, da ESPN, e que repercutiu bastante nos bastidores do futebol.

Segundo o jornalista, a multa de Gabigol seria de 60 milhões de euros (equivalente a R$ 360 milhões). Só que existiria uma cláusula especial que faria com o que Flamengo liberasse seu centroavante artilheiro pela metade deste valor: 32 milhões de euros (R$ 180 milhões). Essa cláusula teria sido uma exigência de Gabigol para assinar contrato.

O jogador chegou ao Flamengo em janeiro de 2019, emprestado pela Inter de Milão. Após se destacar e marcar muitos gols, ser artilheiro da Libertadores e do Brasileirão e ajudar o Flamengo nessas duas conquistas, o atacante foi contratado em definitivo por R$ 16 milhões de euros (cerca de 80 milhões na cotação da época).

Publicidade

Flamengo nega multa pela metade

Ao SportBuzz, a assessoria de imprensa do Flamengo desmentiu a informação dada por Nicola, mas preferiu não divulgar os valores envolvidos no contrato porque são sigilosas. Diante disso, fica a palavra do jornalista contra a do clube.

Publicidade

“Essa informação não procede. Só não podemos passar informações do contrato do atleta, pois são sigilosas. Obviamente que só interessa ao atleta e ao clube, mas o que posso garantir é que as informações divulgadas não procedem. Muito menos que isso fosse uma exigência do Gabriel durante as negociações”, informou o Flamengo.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Souza, ex-volante do São Paulo, fala sobre carreira, decepções e Jair Bolsonaro

Neto elege jogador do Palmeiras como ‘maior pé de rato do futebol’ do mundo