in

Maicon vence processo contra São Paulo e manda recado: ‘torcedor do SP menos mimimi’

Divulgação São Paulo
Publicidade

O volante Maicon tem brilhado no Grêmio, nos últimos anos, e acabou de vencer um processo contra o seu ex-clube, o São Paulo. O processo foi aberto em 2016 e só agora o volante recebeu o resultado. Inicialmente, o time paulista terá que pagar R$ 200 mil a Maicon, mas o processo segue aberto e o valor pode chegar a R$ 700 mil.

O São Paulo pode entrar com recurso para tentar reverter a decisão da Justiça No processo, Maicon cobrava a falta de pagamento de adicionais noturnos e de atividades realizados aos domingos e feriados em todo o período que defendeu o Tricolor Paulista, entre 2012 e 20015.

Após a notícia de que Maicon havia ganho o processo, muitos torcedores do São Paulo invadiram as redes sociais do volante para protestar contra ele. Maicon, então, desabafou, traçou uma linha de sua carreira e mandou um recado aos torcedores são-paulinos.

Publicidade

Maicon contou que jogou no Fluminense entre 2004 e 2005 e está até hoje sem receber. Em 2006, jogou por quatro meses no Botafogo e recebeu apenas dois. Entre 2009 e 2011, Maicon defendeu o Figueirense e só recebeu após acionar o clube na Justiça.

Publicidade

“Aí vou para o São Paulo praticamente de graça, saio em 2015 com três meses de imagem atrasada e só recebei porque o Grêmio me comprou por R$ 7 milhões. Aí corro atrás do meu direito e estou errado. Torcedor do São Paulo, menos mimimi e vá cobrar quem administra seu clube que parou no tempo”, afirmou o jogador. As palavras de Maicon causaram polêmica e ele alterou a parte em que criticava a torcida de seu ex-clube.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Flamengo x River Plate: Globo Esporte reexibe final da Libertadores 2019 hoje, às 16h

Gabigol lamenta morte por Covid-19 e se opõe a volta de treinos no Flamengo