in

Mesmo Fla impondo redução, Jesus se aproxima de renovação e será o mais bem pago do país

Alexandre Vidal - Divulgação - Flamengo
Publicidade

Diante da crise do coronavírus, o Flamengo teve que adotar inúmeras medidas para não “colapsar” financeiramente. Sem receita por jogos, atraso para receber dinheiro de patrocinadores e queda acentuada no quadro de sócios-torcedores. A diretoria do rubro-negro anunciou demissões e cortes salariais dos jogadores, oficializado na última terça. Agora o próximo passo do clube é resolver a “novela” Jorge Jesus.

Protagonista na campanha histórica do Fla na temporada passada, o treinador português tem vínculo com o clube até junho deste ano. Tentando esquentar as conversas novamente, o rubro-negro já sinalizou não poderá pagar a pedida elevada do Mister, por conta da crise. Segundo informações do UOL Esporte, tudo indica que Jesus renovará o seu contrato com o clube já em uma realidade de corte financeiro.

Diante da crescente exponencial do euro, as duas partes devem selar valores fixos em bases menos expressivas da moeda, que antes da crise era cotada na casa dos R$ 4,50, e hoje opera acima dos R$ 6,00.

Publicidade

Mais bem pago do Brasil

Mesmo não renovando nas condições em que desejava antes da pandemia, Jorge Jesus será o treinador mais bem pago do país se o novo acordo for selado. O clube da Gávea trabalha com a possibilidade de estender o vínculo com o Mister até o fim de 2021.

Publicidade

O treinador voltou ao Brasil na última semana, após cumprir quarentena em Portugal, e agora aguarda o aval para a retomada dos treinamentos. Embora tenha se movimentado para isso ocorrer, o rubro-negro ainda depende de uma autorização das autoridades locais.

No Rio de Janeiro, a quarentena foi estipulada para durar ao menos até o dia 11 de maio, podendo ser novamente prolongada, uma vez que a região é uma das mais afetadas no país pela pandemia.

Publicidade
Next post

Flamengo: resultado dos exames da Covid-19 nos funcionários liga alerta no clube

Mercado da bola 2020: Getafe deve pedir desconto para contratar Deyverson em definitivo