in

Neymar e uma oferta que deixa o Barça e Messi tombados

Notícias ao Minuto
Publicidade

Neymar e o PSG foram declarados campeões da Ligue 1. O time francês somava 12 pontos mais que o segundo classificado, o Marselha, e com a decisão de encerrar a competição antes do final, por causa de essa pandemia, o time foi declarado campeão. Porém, a temporada poderia ainda não ter terminado para o time, uma vez que eles se classificaram para as quartas-de-final da Champions League, prova que não foi cancelada ainda. No final das competições, deve retornar o mercado de transferências, momento em que Neymar teria novamente suas chances para deixar Paris. O Barcelona estaria na linha da frente pelo craque, até que surgiu uma mega oferta que poderia mudar tudo, de acordo com o site Don Balón. 

Messi tenta aproximar Neymar novamente

O argentino Lionel Messi estaria fazendo bem seu papel. O melhor jogador do mundo de 2019 estaria pressionando a diretoria catalã, com suas declarações públicas sobre Neymar. Por mais que uma vez, Messi foi revelando que iria amar se reencontrar novamente com Neymar no gramado e como o time sente a falta do craque brasileiro

Publicidade

Dessa forma, Messi acaba pressionando a diretoria, mostrando qual o caminho que ele espera, mas também os torcedores. Nem todos aceitaram bem a saída de Neymar ou seus comportamentos extra esportivos e essas palavras poderiam ajudar muito eles mudarem novamente sua opinião sobre o craque da seleção brasileira

O fator que pode definir o futuro de Neymar

Essa possibilidade de Neymar retornar no Camp Nou é real, mas um time da Premier League ficou encarregado de colocar um grande obstáculo no meio. O Manchester United também estaria na corrida pelo craque, um time que tem um potencial econômico que os beneficia sobre o Barcelona, que não atravessa seu melhor momento. 

Publicidade

De acordo com o site Don Balón, a oferta que eles preparam, na Inglaterra, seria de 165 milhões de euros. Um valor que a diretoria catalã não estaria disposta a igualar atualmente. No entanto, há um caminho incerto que poderia favorecer os catalães nos próximos meses, que tem que ver com o apuramento ou não do Manchester United para a Champions League.

Quando o campeonato ficou paralisado por esse surto do novo coronavírus, o Manchester United estava classificado na quinta posição, que dá acesso somente para a Europa League. Portanto, caso na Inglaterra eles repitam a decisão da França, cancelando o campeonato, o time ficaria fora da Champions no ano que vem. E isso poderia pesar muito na decisão do brasileiro que, aos 28 anos de idade, ele certamente não vai querer ficar fora da prova principal da Europa do futebol por toda uma temporada.

Publicidade
Next post

Botafogo promove demissão de funcionários e passa instrução inovadora a jogadores

Gerente de futebol do Palmeiras afirma que Flamengo copiou o Verdão para vencer em 2019