in

Zinho revela ter passado vergonha pública com Ronaldinho no Fla: ‘indisciplina’

Divulgação - Flamengo
Publicidade

No programa Jogo Sagrado, do FOX Sports, nesta segunda-feira (28), os comentaristas discutiram acerca de privilégios que alguns jogadores detém dentro de equipes por conta da sua influência. Participando do bate-papo, o ex-jogador Zinho revelou bastidores de um entrevero que teve com Ronaldinho Gaúcho na época em que atuava como diretor de futebol do clube rubro-negro.

O episódio em si ocorreu bem próximo da saída conturbada do craque. Naquela oportunidade, o Flamengo tinha enormes dificuldades para arcar com os vencimentos e já tinha um débito altíssimo com o Bruxo. Na conversa, Zinho contou que teve vários problemas de indisciplina com R10. Em um deles, Ronaldinho se comprometeu a viajar com o elenco para uma partida amistosa, mas acabou “furando”, fazendo com que Zinho passasse vergonha.

Publicidade

“A gente tinha uma viagem para o Piauí, amistoso, Flamengo recebeu uma cota alta, eu era contra, o Flamengo estava em situação difícil. Mas o clube precisava da grana. Quem era o nome que vendia esse time? Era ele (Ronaldinho). Ele não apareceu para a viagem. Liguei: ‘ele disse que ia’. Eu com a passagem dele na mão. A televisão toda me filmando pagando aquele mico. Não apareceu para a viagem. Nosso vice de futebol, o Coutinho, no hotel foi questionado pela torcida e chutou o balde. Tinha um torcedor filmando e viralizou. Depois desse episódio, Ronaldinho cobrou atrasado, não se apresentou e culminou na saída”, afirmou Zinho.

Processo e saída conturbada

Após deixar o Flamengo, Ronaldinho Gaúcho não hesitou em processar o clube para receber os vencimentos atrasados. Na ocasião, Zinho acabou sendo testemunha do rubro-negro na ação. Na conversa, o ex-jogador do Fla e Palmeiras afirmou que sempre cobrou disciplina e exemplo de R10, e que essas cobranças mais ásperas e todo o atraso do Flamengo nos pagamentos acabou culminando na saída do craque.

Publicidade

Números do Bruxo no Fla

A estreia de Ronaldinho com a camisa do Flamengo se deu no dia 2 de fevereiro de 2011. Ao todo, o craque disputou 74 partidas pelo clube, computando 36 vitórias, 26 empates e 12 derrotas. Foram 28 gols marcados, e três títulos faturados: Taça Guanabara, Taça Rio e do Campeonato Carioca, todos em 2011.

Após deixar o clube da Gávea, Ronaldinho ainda vestiu as cores do Atlético-MG, onde faturou a Copa Libertadores de 2013, e também do Fluminense, no ano de 2015, o último que esteve dentro das quatro linhas.

Publicidade
Next post

Presidente de clube nordestino testa positivo para o coronavírus

Cenário econômico do Brasil ‘atrapalha’ Flamengo na renovação de Jorge Jesus